Voltar ao Início

Você está em:

Ataque contra Kiev deixa mais de 50 feridos

Bombardeio causou estragos casas e um hospital infantil. Ataque ocorre um dia depois de Zelensky se reunir com Joe Biden
Amanda Omura

Amanda Omura

Um ataque com mísseis russos contra Kiev, a capital da Ucrânia, deixou pelo menos 51 pessoas feridas, nesta terça-feira (13). Segundo as autoridades ucranianas, o bombardeio causou estragos em casas e em um hospital infantil.

O sistema de defesa aérea da Ucrânia foi acionado e conseguiu derrubar todos os mísseis direcionados à capital, segundo o chefe de administra militar do país. Este foi o segundo ataque russo contra Kiev nesta semana.

No entanto, a queda de destroços causou destruição em três distritos de Kiev. Em Dniprovskyi, casas e edifícios residenciais foram danificados, ferindo mais de 30 pessoas, sendo que 15 precisaram ser levadas ao hospital.

Além disso, um hospital infantil que fica no mesmo distrito teve janelas e entradas destruídas pela queda de fragmentos de mísseis. Segundo as primeiras informações, ninguém se feriu na instituição.

Serviços de emergência foram acionados para socorrer as vítimas.

Zelensky nos EUA
O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, passou a terça-feira (12) em Washington D.C. em busca de apoio financeiro na guerra contra a Rússia.

A viagem de Zelensky aos Estados Unidos ocorre dias depois de o Congresso americano recusar liberar mais dinheiro para a Ucrânia.

Ao lado do ucraniano, o presidente Joe Biden fez um apelo ao Congresso sobre a importância de continuar apoiando a Ucrânia contra a invasão russa.

“O Congresso precisa aprovar a ajuda antes do recesso de fim de ano, antes de dar a Putin o maior presente de Natal que podem dar”, disse Biden.

Rússia diz ter derrubado 20 drones ucranianos
A Rússia disse que derrubou 20 drones ucranianos durante um ataque contra Moscou e outras regiões do país, neste domingo (26). Os artefatos foram destruídos enquanto se aproximavam da capital russa, de acordo com o prefeito da cidade.

“Um ataque em massa com drones foi tentado durante a madrugada”, disse o prefeito de Moscou, Sergei Sobyanin.

Posts Relacionados

El Salvador se consolida como regime de partido único

El Salvador se consolida como regime de partido único

Apesar da alta popularidade, presidente concentra poderes e anuncia a pulverização da oposição, com controle de 58 das 60 cadeiras

EUA discute sobre a responsabilização das big techs

EUA discute sobre a responsabilização das big techs

Mark Zuckerberg pediu desculpas a familiares de crianças e adolescentes afetadas por conteúdos de exploração sexual infantil

Agricultores impõem ‘cerco’ a Paris em protesto

Agricultores impõem ‘cerco’ a Paris em protesto

Agricultores pressionam governo para recuperar danos causados pela inflação e a guerra, além de políticas prejudiciais ao setor

Começa paralisação na Argentina contra Milei

Começa paralisação na Argentina contra Milei

Ato foi convocado pela maior central sindical do país e tem adesão de funcionários de bancos, comércio, setor bancário e caminhoneiros

Nikki Haley parte para o tudo ou nada contra Trump

Nikki Haley parte para o tudo ou nada contra Trump

Única desafiante ao ex-presidente na disputa republicana, ex-embaixadora da ONU passa a criticá-lo, para tentar reduzir a vantagem dele

Irã e Paquistão abrem diálogo por crise no Oriente

Irã e Paquistão abrem diálogo por crise no Oriente

Nesta semana, Paquistão disse que bombardeou base de grupo separatista em território iraniano, um dia após dizer ter sido atacado Irã

Otan convoca 90 mil soldados para exercício militar

Otan convoca 90 mil soldados para exercício militar

Aliança militar do Ocidente convoca 90 mil soldados de países membros e da Suécia para primeiro exercício militar de 2024

Conflitos se espalham pelo Oriente Médio

Conflitos se espalham pelo Oriente Médio

Israel combate o Hamas e o Hezbollah, aliados do Irã, que apoia também os Houthis, grupo rebelde do Iêmen que ataca navios

pt_BRPortuguese