Voltar ao Início

Você está em:

Canja de galinha realmente ajuda quem está doente? Entenda a ciência

Principais nutrientes vêm do frango, dos vegetais e do arroz. O caldo auxilia na reidratação e o calor ajuda a soltar o muco
Amanda Omura

Amanda Omura

Preparar canja de galinha para um ente querido quando ele está doente é uma prática comum em todo o mundo há séculos. Hoje, gerações de praticamente todas as culturas confiam nos benefícios da sopa.

Nos EUA, o prato normalmente é feito com macarrão. No Brasil, com arroz. Mas cada cultura prepara esse "remédio" à sua maneira.

O uso da canja de galinha como tratamento remonta a 60 d.C. e a Pedanius Dioscorides, um cirurgião do Exército que serviu ao imperador romano Nero. Sua enciclopédia médica de cinco volumes foi consultada pelos primeiros curandeiros por mais de um milênio.

Mas as origens da canja de galinha remontam a milhares de anos antes, à China antiga.

Mas será que existe algo científico por trás da crença de que a canja ajuda em momentos de doença? Ou será que a sopa serve apenas como um placebo reconfortante, proporcionando benefícios psicológicos enquanto estamos doentes?

Como nutricionista registrado e professor de Nutrição e Dietética, conheço bem o apelo da canja de galinha: o calor do caldo e os sabores ricos e saborosos do frango, dos vegetais e do arroz.

O que dá à sopa o sabor distinto é o umami – a quinta categoria de sensações gustativas, junto com doce, salgado, azedo e amargo. Muitas vezes é descrito como tendo um sabor “carnudo”.

Melhor apetite, melhor digestão
Tudo isso faz sentido porque os aminoácidos são os blocos que formam as proteínas, e o aminoácido glutamato é encontrado em alimentos com sabor umami.

Porém, nem todos os alimentos umami são compostos de carne ou aves - queijo, cogumelos, missô e molho de soja também fazem parte do grupo.

Estudos mostram que o sabor é fundamental para as propriedades curativas da canja de galinha.

Quando atendo pacientes com doenças respiratórias, percebo que muitos deles passam a comer menos ou não comem nada. Isso ocorre porque as doenças agudas desencadeiam uma resposta inflamatória que pode diminuir o apetite.
Não sentir vontade de comer significa que é improvável que você obtenha a nutrição necessária, o que não ajuda a saúde imunológica e a recuperação de doenças.

Mas as evidências sugerem que o sabor umami da canja de galinha pode ajudar a estimular um apetite maior. Os participantes de um estudo disseram que sentiram mais fome depois de provarem pela primeira vez uma sopa com sabor umami adicionado pelos pesquisadores.

Posts Relacionados

Por que algumas pessoas se sentem cansadas o tempo todo?

Por que algumas pessoas se sentem cansadas o tempo todo?

Para algumas pessoas, não importa quanto tempo durmam, elas ainda se sentem cansadas e com pouca energia. Por quê?

Manual de sobrevivência para o carnaval: veja cuidados para evitar ressaca

Manual de sobrevivência para o carnaval: veja cuidados para evitar ressaca

Em tempos de carnaval, nada melhor do que curtir a folia ao máximo. Mas você pensa na sua saúde enquanto aproveita?

O que acontece com corpo quando se para de tomar café

O que acontece com corpo quando se para de tomar café

Costuma causar dor de cabeça, mas também melhora o humor, o sistema gastrointestinal e até a aparência

Dengue: quais são os sintomas e quando é hora de buscar um hospital

Dengue: quais são os sintomas e quando é hora de buscar um hospital

Brasil registrou explosão no número de casos de dengue nas duas primeiras semanas deste ano, com 55.859 casos prováveis

Colágeno: quais os efeitos reais do suplemento na pele?

Colágeno: quais os efeitos reais do suplemento na pele?

Apesar de ser um suplemento popular, o colágeno ainda carece de boas evidências científicas que respaldem o principal benefício

Por que devemos investir no consumo de frutas, legumes e verduras

Por que devemos investir no consumo de frutas, legumes e verduras

Alimentos contêm substâncias bioativas que ajudam no nosso metabolismo. Quanto mais colorido o prato, melhor

Os riscos de energéticos pré-treino com cafeína, que prometem resultado rápido

Os riscos de energéticos pré-treino com cafeína, que prometem resultado rápido

Vendidos em cápsulas ou como bebidas, os pré-treinos são turbinados com cafeína e vendidos sem prescrição médica

Qual a diferença entre compulsão alimentar e comer emocional

Qual a diferença entre compulsão alimentar e comer emocional

Comer emocional acontece quando, em uma ocasião determinada, se come mais do que se comeria normalmente

pt_BRPortuguese