Voltar ao Início

Você está em:

Como se proteger de tristeza, raiva e medo após eleição

Escolha dos próximos representantes políticos representa uma fonte importante de estresse, ansiedade e até depressão
Picture of Amanda Omura

Amanda Omura

Debates acalorados, ânimos acirrados, opiniões opostas… A eleição presidencial pode ser fonte importante de estresse — que, por sua vez, é um dos fatores de risco por trás de transtornos mais sérios, como ansiedade e depressão.

De acordo com psiquiatras, a probabilidade de desenvolver um quadro desses é ainda maior quando a disputa fica polarizada demais e adversários políticos passam a ser vistos como inimigos, que precisam ser derrotados a qualquer custo.

Além de fazer mal à democracia, esse tipo de pensamento representa uma ameaça à própria saúde mental das pessoas que nutrem sentimentos tão intensos, explicam os médicos.

A boa notícia é que existem estratégias que ajudam a evitar uma piora da situação e a prevenir danos ao bem-estar, como fazer autoavaliação do comportamento, desligar das redes sociais e buscar uma avaliação com profissionais da saúde.

A situação no Brasil
Não é segredo para ninguém que as eleições no país estão polarizadas e geram disputas muito intensas. Mas será que é possível medir o estresse da população neste momento?

Embora não existam muitas pesquisas publicadas sobre o tema no Brasil, Barros observa que a corrida presidencial de 2022 parece diferente do que aconteceu há quatro anos.

"Me parece que a maioria das pessoas aprendeu a lição em 2018 e criou mecanismos para não entrar em conflitos ou brigas. Entre amigos e familiares com visões opostas, parece existir uma espécie de pacto de silêncio sobre o tema", avalia.

"Mas é claro que não podemos ignorar os episódios de violência entre adversários políticos registrados nessas últimas semanas", complementa.
Como evitar esses males
Mas será que existe um caminho para lidar com um problema desse tamanho e fugir dos sentimentos de raiva, tristeza ou medo durante e após as eleições?

Há pelo menos sete recomendações básicas que ajudam a refletir sobre as emoções e o comportamento — e como eles impactam a saúde mental.

Tudo começa com um processo de autoavaliação. Como você reage quando uma pessoa diz algo que vai contra o que acredita? Isso te causa um estresse muito grande? Uma conversa sobre política gera um mal-estar ou uma sensação ruim em você ou nos demais participantes?

"Há algo de errado quando as suas posições políticas limitam as conversas dentro da própria família, ou os grupos de WhatsApp deixaram de ser um lugar de confraternização para virar um terreno de disputa política", exemplifica Spanemberg.

Posts Relacionados

4 maus hábitos que afetam a memória quando envelhecemos

4 maus hábitos que afetam a memória quando envelhecemos

A boa notícia é que a atividade física é a melhor garantia para a qualidade de vida de mulheres na meia-idade

Por que gritos e socos não conseguem aliviar a raiva

Por que gritos e socos não conseguem aliviar a raiva

Desabafar a raiva pode parecer uma boa ideia, mas não há a menor evidência científica para apoiar a teoria da catarse

Fogões a gás realmente são um perigo para a saúde?

Fogões a gás realmente são um perigo para a saúde?

Estudo recente mostra que, além de contribuir para o efeito estufa, o combustível fóssil traz sérios riscos para a saúde

A saúde do coração declina rapidamente depois da menopausa

A saúde do coração declina rapidamente depois da menopausa

A boa notícia é que a atividade física é a melhor garantia para a qualidade de vida de mulheres na meia-idade

A importância dos cuidadores para o sistema de saúde

A importância dos cuidadores para o sistema de saúde

Apesar de serem fontes de informação e apoio, com frequência eles não têm acesso a informações relevantes sobre o paciente

Ejacular com frequência ajuda a evitar câncer de próstata?

Ejacular com frequência ajuda a evitar câncer de próstata?

Não há uma conclusão definitiva — a relação entre a ejaculação e o câncer de próstata ainda não é totalmente compreendida

A importância do músculo sóleo, apelidado de ‘segundo coração’

A importância do músculo sóleo, apelidado de ‘segundo coração’

O sóleo também tem uma função bastante particular: auxilia o coração em seu trabalho de bombear o sangue pelo corpo

‘Burnon’ X burnout: quando o estresse constante com o trabalho leva à depressão

‘Burnon’ X burnout: quando o estresse constante com o trabalho leva à depressão

O estresse constante, sem pausas reais, pode adoecer as pessoas. Essa sobrecarga crônica é descrita como: burnon

pt_BRPortuguese