Voltar ao Início

Você está em:

Conservadores espanhóis tentam formar governo

Alberto Nuñez Feijóo, do PP, manteve seu plano de obter apoio suficiente no Parlamento para formar um governo de direita
Picture of Amanda Omura

Amanda Omura

Alberto Nuñez Feijóo, o líder da oposição espanhola manteve nesta terça-feira (25) seu plano de obter apoio suficiente no Parlamento para formar um governo de direita.

No domingo houve uma eleição nacional, e o partido de Feijóo, o PP, não elegeu o número suficiente de deputados para conquistar a maioria da Câmara dos Deputados. Nem mesmo uma aliança entre o PP e o Vox, o terceiro colocado, seria suficiente para garantir uma maioria.

Uma das esperanças do PP era um acordo com um pequeno partido, o Partido Nacionalista Basco (PNV), de centro-direita. No entanto, os bascos disseram no Twitter que o PNV não realizará nenhuma discussão para apoiar a candidatura de Alberto Nuñez Feijóo ao cargo de primeiro-ministro.

O PP conquistou 136 assentos na câmara baixa, de 350 assentos, bem aquém dos 176 parlamentares necessários para uma maioria absoluta. O partido só conseguirá formar governo com o apoio de outros partidos, inclusive do Vox, de extrema direita, com o qual firmou alianças em diversos governos regionais.

O Vox perdeu assentos na votação de domingo, afastando a perspectiva de um governo apoiado pelos nacionalistas e apontando limitações na tentativa da extrema direita europeia de se tornar dominante.

As pesquisas previam uma vitória para o PP, com o Vox ajudando a consolidar um novo governo conservador, mas juntos eles não conseguiram obter a maioria, deixando os partidos pró-independência da Catalunha e do País Basco com o poder em um Parlamento dividido.

"Dizer que você não tem apoio por causa de uma conversa com algum grupo é uma conclusão precipitada", afirmou Feijóo a repórteres nesta terça-feira. Ele disse que ainda não conversou com a liderança do Vox.

"Seria um erro permitir que os separatistas governem", acrescentou, referindo-se ao que descreveu como uma "coalizão de perdedores" liderada pelos socialistas do primeiro-ministro Pedro Sánchez, que conquistou 122 assentos.

Posts Relacionados

Milei se encontra com Elon Musk e oferece apoio

Milei se encontra com Elon Musk e oferece apoio

Presidente da Argentina, Milei ofereceu apoio a Musk nos processos da Justiça brasileira em que o bilionário está sendo investigado

México pede suspensão do Equador na ONU

México pede suspensão do Equador na ONU

O objetivo da denúncia mexicana é "garantir a reparação do dano moral infligido ao Estado mexicano e a seus cidadãos", disse a ministra

Netanyahu diz que já tem data para atacar Rafah

Netanyahu diz que já tem data para atacar Rafah

Ele não deu mais detalhes. Pouco depois, o Departamento de Estado dos Estados Unidos disse que não foi informado sobre os planos

Terremoto de 4,8 de magnitude atinge Nova York

Terremoto de 4,8 de magnitude atinge Nova York

A profundidade do terremoto, de acordo com a USGS, foi de 5 quilômetros abaixo da superfície -- uma profundidade considerada baixa

Blinken diz que Ucrânia vai ser membro da Otan

Blinken diz que Ucrânia vai ser membro da Otan

Ele também afirmou que apoiar a Ucrânia é importante porque os russos estão recebendo ajuda para aumentar sua indústria de defesa

Pressionado, Netanyahu endurece o discurso

Pressionado, Netanyahu endurece o discurso

O primeiro-ministro de Israel é pressionado pela antecipação de eleições gerais e pela crise deflagrada em sua coligação extremista

Ataque destrói consulado iraniano na Síria

Ataque destrói consulado iraniano na Síria

A Guarda Revolucionária do Irã anunciou que sete de seus membros, entre eles três comandantes, morreram no bombardeio

Na Faixa de Gaza, 12 pessoas morrem afogadas

Na Faixa de Gaza, 12 pessoas morrem afogadas

Os Estados Unidos optaram por jogar caixas de aviões porque há dificuldades para entrar com caminhões na Faixa de Gaza

pt_BRPortuguese