Voltar ao Início

Você está em:

Dor terrível e até morte: o que pode acontecer com as ‘mulas’ do tráfico

Risco de cápsulas de droga romperem dentro do organismo é altíssimo, explica especialista
Amanda Omura

Amanda Omura

No esquema de tráfico internacional de drogas, uma tática comum para tentar driblar a fiscalização dos aeroportos é o uso das chamadas "mulas": pessoas que transportam entorpecentes dentro do próprio corpo, para entregarem o material a traficantes de outro país.

Engolir cápsulas de cocaína, por exemplo, ou colocá-las na vagina e no reto são técnicas altamente arriscadas para a saúde — podem provocar convulsões, desmaios por dor, intoxicação, rompimento de órgãos e morte.

Em São Paulo, nesta quinta-feira (23), um homem foi preso por treinar mais de 30 "mulas" que engoliriam drogas e as levariam para a Europa. Na última semana, em 14 de novembro, seis passageiros nigerianos também foram detidos após serem flagrados com cápsulas de cocaína no estômago no Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos.

Quais as técnicas (de risco) para inserção da droga no corpo?
Paula Carpes Victório, farmacêutica e mestre em toxicologia pela Universidade de São Paulo (USP), explica que a droga é, em geral, envolta em um material plástico — em várias cápsulas ou saquinhos pequenos. Esses invólucros são:
engolidos, aos poucos, para que fiquem no estômago durante a viagem;
inseridos na vagina
ou colocados no reto.

Pode haver rompimento das cápsulas?
Sim, é comum que as cápsulas estourem.

Nosso estômago secreta ácido clorídrico (HCl) para digerir os alimentos que comemos. "É muito forte e deixa o pH extremamente baixo", afirma Victório.

"Quando mascamos um chiclete, por exemplo, o organismo entende que vamos nos alimentar e libera mais ácido para a digestão. No caso das cápsulas, o mesmo acontece: o HCl é excretado e provavelmente vai corroer o plástico que envolve a droga."

O que acontece se a cápsula com as drogas estourar?
"A substância será absorvida pela mucosa [do estômago, da vagina ou do reto], que é irrigada por vasos sanguíneos. A droga entrará em contato com as células e chegará ao sistema circulatório", afirma Victório.

"A pessoa pode ter convulsões, hemorragia ou até morrer instantaneamente", esclarece a especialista.

Posts Relacionados

Rio proíbe uso de celulares nas escolas até no recreio; veja exceções

Rio proíbe uso de celulares nas escolas até no recreio; veja exceções

A medida veio depois de uma consulta pública, aberta em dezembro, em que 83% concordaram com a restrição

Um terço dos eleitores do RJ ainda não tem biometria cadastrada; prazo vai até maio

Um terço dos eleitores do RJ ainda não tem biometria cadastrada; prazo vai até maio

TRE-RJ quer cadastrar cerca de 4,4 milhões de eleitores até eleições municipais. Total representa 34,15% do eleitorado do estado

Entenda por que tem mais dengue com o El Niño e por que a situação pode piorar

Entenda por que tem mais dengue com o El Niño e por que a situação pode piorar

É esperado um pico da epidemia para o final de março e começo de abril, o que gera uma 'perspectiva grande de piorar o quadro'

Ambev começa credenciamento de ambulantes para trabalhar no carnaval

Ambev começa credenciamento de ambulantes para trabalhar no carnaval

Segundo a empresas, podem se inscrever somente pessoas maiores de 18 e que possuam residência no município de São Paulo

Celular Seguro ultrapassa 12 mil alertas de roubo ou perda um mês após lançamento

Celular Seguro ultrapassa 12 mil alertas de roubo ou perda um mês após lançamento

O principal motivo de bloqueio foi roubo (5.496 ocorrências), seguido de furto (3.965), perda (2.549) e outros (601)

Mais de um terço dos municípios têm moradores em áreas de risco de desastres

Mais de um terço dos municípios têm moradores em áreas de risco de desastres

Documento de ministérios do governo federal identificou 1.942 cidades com regiões suscetíveis a deslizamentos, enxurradas e inundações

Leilão da Receita tem carro por R$ 15 mil e celulares por R$ 500; veja como participar

Leilão da Receita tem carro por R$ 15 mil e celulares por R$ 500; veja como participar

As propostas de valor para o leilão podem ser feitas até as 21h do dia 29 de janeiro, e a sessão pública para lances ocorre

Cultura e saúde mental: para 54%, atividades culturais são a principal fonte de bem-estar

Cultura e saúde mental: para 54%, atividades culturais são a principal fonte de bem-estar

Pesquisa mostrou que 42% das pessoas passaram por problemas de saúde mental no último ano

pt_BRPortuguese