Voltar ao Início

Você está em:

6 dicas para manter memória afiada como a de Richard Restak

Richard Restak afirma que, se exercitarmos nossa memória diariamente, da mesma forma que se faz com o corpo, é possível mantê-la ativa e em plena forma
Amanda Omura

Amanda Omura

Quem garante é Richard Restak, neurologista e professor da Faculdade de Medicina e Saúde do Hospital da Universidade George Washington, nos Estados Unidos.

O renomado cientista tem 81 anos, cabelos grisalhos e memória impecável. E afirma que, se exercitarmos nossa memória diariamente, da mesma forma que se faz com o corpo, é possível mantê-la ativa e em plena forma.

  1. Leia livros de ficção
    Os livros de não ficção são uma grande fonte de conhecimento e informações, mas, para ativar a memória, os romances são muito mais úteis.
    “Os livros de não ficção, como o último que escrevi, não exigem muito em termos de memória. Você pode ler o índice e concentrar-se naquilo que interessa, por exemplo”, afirma Restak.
    “Mas a ficção é muito mais exigente do ponto de vista da memória, especialmente quando se trata de um romance complexo”, explica o professor. “Ali, os personagens aparecem e desaparecem. Você pode encontrar alguém no segundo capítulo que depois só irá aparecer no capítulo 10.”
  2. Transforme as palavras em imagens
    Este é um princípio básico. Restak sugere, por exemplo, que, se for apresentado a alguém com o sobrenome Greenstone – Pedraverde, em português – você deve visualizar na sua cabeça uma pedra de tom verde intenso.

Esta estratégia simples ajudará sua mente a se lembrar daquele sobrenome sem problemas.

  1. Faça jogos mentais com seus amigos
    Um dos jogos favoritos de Restak para as festas ou reuniões familiares, que é um excelente exercício para a memória, é o chamado jogo das “20 perguntas”.

O jogo consiste em um jogador (ou equipe) pensar em uma pessoa, coisa ou lugar, enquanto o outro jogador (ou equipe) deve adivinhar do que ou de quem se trata, fazendo até 20 perguntas que só podem ser respondidas com “sim” ou “não”.

A dificuldade do jogo reside no fato de que os dois lados precisam se recordar tanto das perguntas como das respostas, para não dar pistas falsas, não repetir perguntas e chegar, por eliminação, à resposta correta.

  1. Use a tecnologia
    Quando você for ao supermercado, por exemplo, Restak recomenda tentar primeiro se lembrar do que foi comprar e só depois consultar a lista, para evitar esquecer alguma coisa.
    O mesmo acontece com os produtos novos: tente lembrar como eles são e, depois que conseguir, confirme com a foto para ver se está certo.
  2. Faça a ‘siesta’
    Em alguns países, a siesta não tem muito boa fama, mas diversos estudos demonstraram que fazer uma siesta rápida é fundamental para ajudar a memória. Restak faz a siesta todos os dias e afirma que ela ajuda a absorver informações, consolidá-las e codificar a memória, para depois ter acesso a ela.

Posts Relacionados

Por que os ‘supercochilos’ podem ser bons para sua saúde

Por que os ‘supercochilos’ podem ser bons para sua saúde

O supercochilo é uma tendência em crescimento em todo o mundo. Mas uma rápida soneca durante o dia realmente funciona?

Vermelhidão, ressecamento, lesões e coceira: pode ser dermatite atópica

Vermelhidão, ressecamento, lesões e coceira: pode ser dermatite atópica

A dermatite atópica também é conhecida como eczema atópico. De origem grega, o termo significa pele que ferve

Por que algumas pessoas se sentem cansadas o tempo todo?

Por que algumas pessoas se sentem cansadas o tempo todo?

Para algumas pessoas, não importa quanto tempo durmam, elas ainda se sentem cansadas e com pouca energia. Por quê?

Manual de sobrevivência para o carnaval: veja cuidados para evitar ressaca

Manual de sobrevivência para o carnaval: veja cuidados para evitar ressaca

Em tempos de carnaval, nada melhor do que curtir a folia ao máximo. Mas você pensa na sua saúde enquanto aproveita?

O que acontece com corpo quando se para de tomar café

O que acontece com corpo quando se para de tomar café

Costuma causar dor de cabeça, mas também melhora o humor, o sistema gastrointestinal e até a aparência

Dengue: quais são os sintomas e quando é hora de buscar um hospital

Dengue: quais são os sintomas e quando é hora de buscar um hospital

Brasil registrou explosão no número de casos de dengue nas duas primeiras semanas deste ano, com 55.859 casos prováveis

Colágeno: quais os efeitos reais do suplemento na pele?

Colágeno: quais os efeitos reais do suplemento na pele?

Apesar de ser um suplemento popular, o colágeno ainda carece de boas evidências científicas que respaldem o principal benefício

Por que devemos investir no consumo de frutas, legumes e verduras

Por que devemos investir no consumo de frutas, legumes e verduras

Alimentos contêm substâncias bioativas que ajudam no nosso metabolismo. Quanto mais colorido o prato, melhor

en_USEnglish