Voltar ao Início

Você está em:

Entenda os bastidores da desistência do UFC de realizar evento no Brasil em maio

Regras para entrada de não vacinados no Brasil fizeram Ultimate mudar de ideia e adiar seu retorno ao país
Amanda Omura

Amanda Omura

Os fãs brasileiros de MMA ficaram frustrados nesta semana com a mudança de planos do Ultimate ao desistir de realizar o UFC 274 no Rio de Janeiro, no dia 7 de maio. A organização tinha reserva agendada para a data na Arena da Barra e já possuía boa parte do card encaminhada, mas optou por transferir o evento para os Estados Unidos, em local a ser definido.

O UFC pediu o cancelamento da reserva na Arena da Barra no início desta semana. A partir daí, passou a comunicar aos empresários dos lutadores escalados para o evento - ou que negociavam suas participações - que o card não seria mais no Brasil. O motivo informado pela organização era que a mudança se dava por "razões políticas", sem explicações do que isso se tratava. Aos que insistiam, o máximo que escutavam era que a pandemia da Covid-19 estava por trás da decisão.

O motivo da desistência foi a exigência de 14 dias de quarentena para a entrada no Brasil de viajantes estrangeiros que não estão com a vacinação em dia. Isso poderia acarretar não apenas em problemas no casamento de lutas em casos de atletas que optaram por não se imunizar, mas também de funcionários do UFC. Sem uma solução para evitar que os não vacinados ficassem de quarentena, a companhia escolheu transferir o UFC 274 para os Estados Unidos, mesmo com duas disputas de cinturão envolvendo brasileiros já acordadas - Glover Teixeira x Jiri Prochazka, pelo título dos meio-pesados, e Charles do Bronx x Justin Gaethje, pelo cinturão dos leves.

Posts Relacionados

Mercedes está aberta a receber Sebastian Vettel de volta à F1

Mercedes está aberta a receber Sebastian Vettel de volta à F1

Chefe da equipe alemã, Toto Wolff afirmou que o tetracampeão é alguém "que nunca se pode descartar"; em entrevista recente

Vasco ainda sonha com Marlon Freitas e tem outras duas negociações

Vasco ainda sonha com Marlon Freitas e tem outras duas negociações

A resposta sobre a proposta de R$ 12 milhões pelo volante não foi oficialmente recusada pelo SAF alvinegra, e ainda há conversas

Palmeiras inicia busca para se isolar como maior brasileiro na Libertadores

Palmeiras inicia busca para se isolar como maior brasileiro na Libertadores

Verdão estreia na competição continental nesta quarta-feira, mas deve poupar titulares por estar entre as finais do Paulistão

Landim diz que possível saída do Flamengo afetará Gabigol

Landim diz que possível saída do Flamengo afetará Gabigol

Presidente responde a questionamentos em grupo de WhatsApp com aliados políticos sobre renovação do atacante: "Não seremos reféns"

Dorival aprova início pela Seleção:”O Brasil sai daqui com saldo positivo”

Dorival aprova início pela Seleção:”O Brasil sai daqui com saldo positivo”

Essa é a segunda punição do Peixe; a primeira, pelo não pagamento do técnico Fabián Bustos, foi resolvida após quitação dos R$ 4,7 milhões

Após demissão de Mattos, Rodrigo Pelaipe pede para sair do Vasco

Após demissão de Mattos, Rodrigo Pelaipe pede para sair do Vasco

O dirigente entendeu que não havia mais condição de continuar no clube, já que ele foi contratado pelo agora ex-diretor do clube

Com estreia do Flamengo na Libertadores no dia 2, final do Carioca será no sábado

Com estreia do Flamengo na Libertadores no dia 2, final do Carioca será no sábado

Como o primeiro jogo do Rubro-Negro está marcado para uma terça, a partida número 1 com o Nova Iguaçu será dia 30 de março

Atlético-MG descarta priorizar estreia na Libertadores em meio às finais do Mineiro

Atlético-MG descarta priorizar estreia na Libertadores em meio às finais do Mineiro

Victor Bagy destaca logística complicada para enfrentar o Caracas na Venezuela e cita importância das duas competições para o clube

pt_BRPortuguese