Voltar ao Início

Você está em:

Ana Marcela é pentacampeã mundial dos 25km de águas abertas

Ana Marcela Cunha se mantém no pelotão desde o início, acelera no final, leva o ouro na batida de mão e vence os 25km
Picture of Amanda Omura

Amanda Omura

O que você faz em cinco horas e vinte e quatro minutos? Dá para ir de carro de São Paulo ao Rio de Janeiro, de avião de Porto Alegre(RS) até Salvador (BA). Em tempos de redes sociais, é possível ver 1400 stories do Instagram ou videos que viralizam no tik tok. Na cozinha, é possível fazer 108 macarrões instantâneos ou, se você é fã de música, é o mesmo que ouvir Faroeste Caboclo 32 vezes. Já Ana Marcela Cunha usou esse período para dar mais de dez mil braçadas e conquistar o quinto título mundial da prova de 25km, em competição realizada nesta quinta-feira, em Budapeste, Hungria.

Ela terminou a prova exatamente com o tempo de 5h24min15s0 para levar o quinto título da carreira dela na prova, chegando na frente de alemã Lea Boy, com a prata, por apenas dois décimos(5h24m15s2), e da holandesa Sharon van Rouwendaal, com o bronze(5h24m15s3).

  • Olha, eu nem sabia se eu ia nadar essa prova. Eu até o final tentei manter o máximo de técnica possível para não sentir dor. Tentei economizar energia. O querer faz muita diferença é o que eu já vivi. Poucas pessoas sabem o que é perder uma Olimpíada (não se classificou para as Olimpíadas de Londres 2012), não nadar bem em casa(foi 10ª na Rio 2016), e saber dar a volta por cima. Ao longo de 16 anos de carreira eu aprendi muita coisa, então eu soube ter sangue frio e esperar o momento certo - disse a campeã.

É a 15º medalha de Ana Marcela na carreira em Campeonatos Mundiais. Além dos cinco ouros nos 25km, são dois ouros e três bronzes nos 5km, uma prata e três bronzes nos 10km, e teve também uma medalha de prata por equipes. Em Budapeste, neste ano, ela já tinha sido campeã dos 5km e bronze nos 10km.

Durante toda a prova, que foi realizada com temperatura na casa dos 33ºC, Ana Marcela se manteve no primeiro pelotão. Numa prova tão longa, muitas vezes não é importante você estar em primeiro lugar, e sim no bolo das atletas na frente. Ficaram no primeiro pelotão o tempo inteiro a holandesa Sharon van Rouwendaal, as alemãs Elea Link e Lea Boy, a italiana Barbara Pozzobon.

Nos últimos 200 metros, Ana Marcela encabeçava a prova, mas com Lea Boy de um lado e Sharon de outro, pressionando. A brasileira conseguiu se manter na frente e, na batida de mão, por menos de um segundo garantiu o título em um final espetacular.

Posts Relacionados

Crise no Corinthians: diretores financeiro e de futebol entregam os cargos

Crise no Corinthians: diretores financeiro e de futebol entregam os cargos

Horas após a patrocinadora VaideBet comunicar a rescisão contratual, diretores de cargos importantes deixaram a cúpula do clube

Premiação da Bola de Ouro 2024 já tem data definida

Premiação da Bola de Ouro 2024 já tem data definida

Cerimônia será realizada no dia 28 de outubro, em Paris, e finalistas serão divulgados em setembro. Vini Jr é um dos favoritos

COB pede vaga olímpica para remadores que ajudaram na tragédia do Rio Grande do Sul

COB pede vaga olímpica para remadores que ajudaram na tragédia do Rio Grande do Sul

Evaldo Becker e Piedro Tuchtenhagen deixaram de disputar o Pré-Olímpico na Suíça para resgatar vítimas das enchentes

Vitórias de Alison, Ítalo e da seleção feminina de vôlei marcam semana do Brasil

Vitórias de Alison, Ítalo e da seleção feminina de vôlei marcam semana do Brasil

Ítalo Ferreira é campeão da etapa do Taiti do Circuito Mundial, Alison dos Santos nos 400m com barreiras, vôlei feminino segue invicta

Brasileirão recomeça neste fim de semana com retorno dos times gaúchos

Brasileirão recomeça neste fim de semana com retorno dos times gaúchos

Grêmio, Inter e Juventude entram em campo neste sábado; Tricolor será mandante e jogará no Couto Pereira, em Curitiba

CBF vai usar data Fifa e inversão de mandos para recuperar jogos atrasados

CBF vai usar data Fifa e inversão de mandos para recuperar jogos atrasados

A entidade – em conjunto com os clubes – também decidiu que o Campeonato Brasileiro vai terminar no dia 8 de dezembro, sem adiamentos

Insatisfeita, VaideBet pede esclarecimentos ao Corinthians e pode rescindir contrato

Insatisfeita, VaideBet pede esclarecimentos ao Corinthians e pode rescindir contrato

A casa de apostas VaideBet, patrocinadora máster do Corinthians, notificou o clube de que está insatisfeita com as recentes notícias relacionadas à parceria e avisou

Corinthians vê Cássio irredutível sobre saída e negocia condições para rescisão

Corinthians vê Cássio irredutível sobre saída e negocia condições para rescisão

A era Cássio está mesmo chegando ao fim no Corinthians. Nesta quarta-feira, o goleiro teve uma conversa com o presidente do clube, Augusto Melo, e

pt_BRPortuguese