Voltar ao Início

Você está em:

Atlético-MG vê seu projeto vencedor ameaçado pela maior dívida do futebol brasileiro

Apesar de receitas terem crescido em quase todas as áreas, não há dinheiro para elenco de luxo e ainda R$ 1,3 bilhão em dívidas
Picture of Amanda Omura

Amanda Omura

Três anos atrás, aproximadamente, as pessoas no comando do Atlético-MG traçaram um novo projeto para o clube. A mudança começou no fim do mandato de Sérgio Sette Câmara e foi acentuada com a eleição de Sérgio Coelho, cuja administração se estenderá até o fim de 2023.

Em linhas gerais, os mineiros não esperariam resultados de uma reestruturação administrativa e financeira para só então investir. Com o dinheiro emprestado por mecenas a juros baixos, o Atlético-MG qualificaria o futebol ao mesmo tempo em que arrumaria a casa.

Os resultados esportivos apareceram. Em 2021, o clube venceu seu segundo Campeonato Brasileiro, após um hiato de 50 anos em relação ao primeiro, conquistou a Copa do Brasil e alcançou a semifinal da Libertadores. E os financeiros?

Panorama
A boa notícia é que o faturamento do Atlético-MG aumentou muito em 2021, puxado principalmente por premiações de competições, mas não apenas elas. Investimentos na qualificação do futebol mostram o seu valor neste aspecto, na medida em que puxam a arrecadação para o alto.

A má notícia é que, apesar de o fluxo de dinheiro ter aumentado, a crise financeira continua severa, algo que se percebe principalmente pelo nível de endividamento. Com R$ 1,3 bilhão, o clube mineiro tem a maior dívida do futebol brasileiro e está longe de ter dinheiro para pagá-la.

Receitas
A análise do faturamento começa pelos direitos de transmissão e pelas premiações, cuja origem está nesses mesmos direitos de competições como Campeonato Brasileiro, Copa do Brasil e Libertadores. É necessário entender por que esta receita disparou.

Como o Brasileirão de 2020 terminou só em 2021 por causa da pandemia, parte de seus pagamentos foi adiada para o balanço seguinte. Em outras palavras, a receita do ano passado foi inflada por pagamentos que pertenceriam ao retrasado, em condições normais.

Além disso, com o ganho em performance, a associação alvinegra elevou muito a parte variável. Premiações são pagas na Copa do Brasil e na Libertadores conforme os times avançam de fases. Com a alta do dólar, os repasses da competição continental, feitos pela Conmebol, subiram.

Posts Relacionados

Premiação da Bola de Ouro 2024 já tem data definida

Premiação da Bola de Ouro 2024 já tem data definida

Cerimônia será realizada no dia 28 de outubro, em Paris, e finalistas serão divulgados em setembro. Vini Jr é um dos favoritos

COB pede vaga olímpica para remadores que ajudaram na tragédia do Rio Grande do Sul

COB pede vaga olímpica para remadores que ajudaram na tragédia do Rio Grande do Sul

Evaldo Becker e Piedro Tuchtenhagen deixaram de disputar o Pré-Olímpico na Suíça para resgatar vítimas das enchentes

Vitórias de Alison, Ítalo e da seleção feminina de vôlei marcam semana do Brasil

Vitórias de Alison, Ítalo e da seleção feminina de vôlei marcam semana do Brasil

Ítalo Ferreira é campeão da etapa do Taiti do Circuito Mundial, Alison dos Santos nos 400m com barreiras, vôlei feminino segue invicta

Brasileirão recomeça neste fim de semana com retorno dos times gaúchos

Brasileirão recomeça neste fim de semana com retorno dos times gaúchos

Grêmio, Inter e Juventude entram em campo neste sábado; Tricolor será mandante e jogará no Couto Pereira, em Curitiba

CBF vai usar data Fifa e inversão de mandos para recuperar jogos atrasados

CBF vai usar data Fifa e inversão de mandos para recuperar jogos atrasados

A entidade – em conjunto com os clubes – também decidiu que o Campeonato Brasileiro vai terminar no dia 8 de dezembro, sem adiamentos

Insatisfeita, VaideBet pede esclarecimentos ao Corinthians e pode rescindir contrato

Insatisfeita, VaideBet pede esclarecimentos ao Corinthians e pode rescindir contrato

A casa de apostas VaideBet, patrocinadora máster do Corinthians, notificou o clube de que está insatisfeita com as recentes notícias relacionadas à parceria e avisou

Corinthians vê Cássio irredutível sobre saída e negocia condições para rescisão

Corinthians vê Cássio irredutível sobre saída e negocia condições para rescisão

A era Cássio está mesmo chegando ao fim no Corinthians. Nesta quarta-feira, o goleiro teve uma conversa com o presidente do clube, Augusto Melo, e

Após 12 dias, Inter volta aos treinos em complexo de universidade

Após 12 dias, Inter volta aos treinos em complexo de universidade

Na fria tarde desta terça-feira, o grupo de Eduardo Coudet se reuniu para o treinamento no complexo esportivo da PUCRS

pt_BRPortuguese