Voltar ao Início

Você está em:

Não é só Tom Brady: outros atletas também já voltaram atrás após anunciarem aposentadoria

Durou pouco mais de um mês a aposentadoria de Tom Brady no futebol americano. O astro revelou que voltou atrás da decisão
Picture of Amanda Omura

Amanda Omura

Durou pouco mais de um mês a aposentadoria de Tom Brady no futebol americano. Neste domingo, o astro da NFL revelou que voltou atrás da decisão e que ainda não chegou a hora de trocar os campos pelas arquibancadas. Um movimento que é mais comum do que se imagina. Confira na lista abaixo outros atletas que também reviram a decisão de encerrar a carreira e voltaram à ativa. Alguns retornos foram bem sucedidos. Outros, nem tanto.

Michael Jordan
Considerado por muitos o maior jogador da história do basquete, Michael Jordan abandonou a carreira duas vezes antes de se aposentar oficialmente. Aos 30 anos e com três títulos seguidos na NBA, largou a bola laranja e foi tentar a sorte no beisebol em 1994. Não foi bem sucedido e, pouco mais de um ano depois, voltou ao basquete. Ganhou mais três títulos na NBA e, em 1999, se aposentou novamente. Chegou a voltar posteriormente, pelo Washington Wizards, em 2001, sem o mesmo sucesso, até finalmente encerrar sua carreira de uma vez por todas.

Hortência
A Rainha anunciou, em 1994, campeã mundial, que não jogaria mais basquete, o que a deixaria fora da Olimpíada de Atlanta. Ela engravidou, teve um filho e, no início de 1996 anunciou que voltaria ao basquete. Foi um dos destaques da medalha de prata do Brasil em Atlanta 1996.

Lance Armstrong
O ciclista americano se aposentou pela primeira vez em 1996 devido a um câncer nos testículos. Voltou a competir em 1999 e ganhou projeção mundial pela história de superação coroada por sete títulos seguidos do Tour de France, mais prestigiado evento do ciclismo de estrada.

Em 2005 surgiram as primeiras denúncias de doping, e Armstrong se aposentou novamente no ano seguinte. Decidiu se dedicar ao triatlo. Ele retornou ao ciclismo uma segunda vez em 2011, mas logo depois se aposentou em definitivo do alto rendimento. Admitiu publicamente que se dopava desde os 21 anos e perdeu todos os títulos conquistados de 1998 em diante.

Michael Schumacher
Dono do maior número de títulos de Fórmula 1 na história, o alemão Michael Schumacher se aposentou da categoria no fim de 2006, com sete títulos conquistados, 91 vitorias, mas com a segunda colocação em sua ultima temporada. Voltou para a categoria em 2010, aos 41 anos, conseguindo um pódio, mas nenhuma vitória. Ficou três temporadas, até se aposentar definitivamente.

Posts Relacionados

Crise no Corinthians: diretores financeiro e de futebol entregam os cargos

Crise no Corinthians: diretores financeiro e de futebol entregam os cargos

Horas após a patrocinadora VaideBet comunicar a rescisão contratual, diretores de cargos importantes deixaram a cúpula do clube

Premiação da Bola de Ouro 2024 já tem data definida

Premiação da Bola de Ouro 2024 já tem data definida

Cerimônia será realizada no dia 28 de outubro, em Paris, e finalistas serão divulgados em setembro. Vini Jr é um dos favoritos

COB pede vaga olímpica para remadores que ajudaram na tragédia do Rio Grande do Sul

COB pede vaga olímpica para remadores que ajudaram na tragédia do Rio Grande do Sul

Evaldo Becker e Piedro Tuchtenhagen deixaram de disputar o Pré-Olímpico na Suíça para resgatar vítimas das enchentes

Vitórias de Alison, Ítalo e da seleção feminina de vôlei marcam semana do Brasil

Vitórias de Alison, Ítalo e da seleção feminina de vôlei marcam semana do Brasil

Ítalo Ferreira é campeão da etapa do Taiti do Circuito Mundial, Alison dos Santos nos 400m com barreiras, vôlei feminino segue invicta

Brasileirão recomeça neste fim de semana com retorno dos times gaúchos

Brasileirão recomeça neste fim de semana com retorno dos times gaúchos

Grêmio, Inter e Juventude entram em campo neste sábado; Tricolor será mandante e jogará no Couto Pereira, em Curitiba

CBF vai usar data Fifa e inversão de mandos para recuperar jogos atrasados

CBF vai usar data Fifa e inversão de mandos para recuperar jogos atrasados

A entidade – em conjunto com os clubes – também decidiu que o Campeonato Brasileiro vai terminar no dia 8 de dezembro, sem adiamentos

Insatisfeita, VaideBet pede esclarecimentos ao Corinthians e pode rescindir contrato

Insatisfeita, VaideBet pede esclarecimentos ao Corinthians e pode rescindir contrato

A casa de apostas VaideBet, patrocinadora máster do Corinthians, notificou o clube de que está insatisfeita com as recentes notícias relacionadas à parceria e avisou

Corinthians vê Cássio irredutível sobre saída e negocia condições para rescisão

Corinthians vê Cássio irredutível sobre saída e negocia condições para rescisão

A era Cássio está mesmo chegando ao fim no Corinthians. Nesta quarta-feira, o goleiro teve uma conversa com o presidente do clube, Augusto Melo, e

pt_BRPortuguese