Voltar ao Início

Você está em:

Conflitos se espalham pelo Oriente Médio

Israel combate o Hamas e o Hezbollah, aliados do Irã, que apoia também os Houthis, grupo rebelde do Iêmen que ataca navios
Picture of Amanda Omura

Amanda Omura

Israel bombardeia a Faixa de Gaza. O Hezbollah ataca o norte de Israel; os Houthis atacam o sul do país, ambos respaldados pelo Irã.

O Irã ataca grupo apoiado por Israel no Paquistão, um dia depois de lançar mísseis balísticos contra a Síria e o Iraque alvejando bases da inteligência israelense.

Israel ataca Beirute, no Líbano, para matar um líder do Hamas. Navios transportam armas iranianas para os Houthis, grupo rebelde do Iêmen, que, por sua vez, têm atacado cargueiros do Ocidente no Mar Vermelho. EUA e Reino Unido bombardeiam alvos houthis no Iêmen.

O Oriente Médio, região que abriga países do leste do Mediterrâneo até o Golfo Pérsico, vive uma teia de conflitos interligados entre si e em escalada sem precedentes na história moderna da região.

Há semanas, os Estados Unidos expressavam o temor de que o conflito "original", entre Israel e o Hamas na Faixa de Gaza, se espalhasse pela região, o que pode causar um emaranhado de conflitos paralelos envolvendo potências regionais, como o Irã.
Guerra terceirizada
Para o professor de Relações Internacionais da ESPM Leonardo Trevisan, a escalada ocorre em parte porque o Irã está fazendo uma "guerra por procuração" através do apoio aos grupos rebeldes. E os ataques feitos por Teerã são uma tentativa de o país, xiita, tentar se impor na região diante de outra potência, a Arábia Saudita, cujo governo é sunita e mais próximo dos Estados Unidos.

"Essa guerra ganha importância enorme não só pela briga com palestinos, mas pelo contexto de onde ela está", disse em entrevista

Agrava o cenário o fato de que potências de fora podem participar de forma mais ativa nos conflitos.

Os Estados Unidos, que vinham tentando se descolar do conflito e inclusive já pediram ao governo israelense que contenha os ataques à Faixa de Gaza, vêm demonstrando agora mais disposição em participar dele.
"Não estamos à procura de uma guerra. Não estamos à procura de expandir isto. Os Houthis têm uma escolha a fazer", disse, na terça-feira (16), o porta-voz do Conselho de Segurança Nacional dos EUA, John Kirby.

Posts Relacionados

G7: líderes de países racham sobre aborto

G7: líderes de países racham sobre aborto

Apoio financeiro à Ucrânia é o principal tema do encontro, na Itália, que tem presença do presidente ucraniano Volodymyr Zelensky

Acordo autoriza entrada da Ucrânia na Otan

Acordo autoriza entrada da Ucrânia na Otan

Zelensky tem planos para que a Ucrânia entre na Otan já faz tempo, mas com a guerra, perdeu apoio dos países que compõem o grupo

Por que Macron pode dissolver o Parlamento na França?

Por que Macron pode dissolver o Parlamento na França?

A medida ocorreu depois da derrota do partido de Emmanuel Macron para de Le Pen nas eleições do Parlamento Europeu

Temos mais armas nucleares que a Europa toda, diz Putin

Temos mais armas nucleares que a Europa toda, diz Putin

Presidente russo afirmou também estar certo de sua vitória na guerra da Ucrânia, mas disse estar aberto a negociações de paz

Eleições no Parlamento Europeu começam

Eleições no Parlamento Europeu começam

A eleição para o Parlamento Europeu é a segunda maior votação do mundo. Espera-se que a participação neste ano seja a maior da história

Biden tenta reforçar aliança com europeus

Biden tenta reforçar aliança com europeus

Presidente dos EUA chegou a Paris para participar das celebrações pelos 80 anos do Dia D. Ele se reunirá com o rei Charles III

Claudia Sheinbaum influencia eleições dos EUA

Claudia Sheinbaum influencia eleições dos EUA

Presidente eleita assumirá o cargo um mês antes do pleito americano. Biden e Trump duelam para controlar a narrativa sobre migrantes

África do Sul tem eleições mais acirradas

África do Sul tem eleições mais acirradas

Serão eleitos 400 deputados nomeados proporcionalmente, indicados por 50 partidos. O novo Parlamento nomeará o próximo presidente

pt_BRPortuguese