Voltar ao Início

Você está em:

EUA anunciam novas sanções contra presidente de Belarus

Essas sanções miram em Alexander Lukashenko, aliado do presidente russo Vladimir Putin
Picture of Amanda Omura

Amanda Omura

Os Estados Unidos anunciaram nesta terça-feira (15) novas sanções econômicas contra o presidente de Belarus, Alexander Lukashenko, e sua esposa, assim como cidadãos da Rússia e uma entidade do país, por corrupção e violações de direitos humanos, disse o Tesouro americano em comunicado.

Essas sanções miram em Lukashenko, aliado do presidente russo Vladimir Putin, e "chefe de um governo corrupto em Belarus, cuja rede de patrocínio beneficia sua comitiva e seu regime", bem como sua esposa, afirmou o Tesouro.

As medidas fazem parte de um conjunto de sanções internacionais contra a Rússia e Belarus, isso é devido a algumas das tropas russas terem invadido a Ucrânia pelo país.

"As decisões de hoje demonstram que os Estados Unidos continuarão a impor consequências concretas e significativas àqueles que cometem atos de corrupção ou estão ligados a graves abusos dos direitos humanos", disse a diretora do Escritório de Controle de Ativos Estrangeiros do Tesouro (OFAC), Andrea Gacki, citada no comunicado.
"Condenamos os ataques da Rússia aos corredores humanitários na Ucrânia e pedimos à Rússia que encerre sua guerra brutal e não provocada contra a Ucrânia", completou.

As sanções do Tesouro congelam todos os ativos que os envolvidos possam ter nos Estados Unidos e proíbem qualquer transação através do sistema financeiro dos EUA.
O Departamento de Estado dos EUA na terça-feira também anunciou medidas contra 11 funcionários do Ministério da Defesa russo em resposta à invasão da Ucrânia.

Putin exige que a Ucrânia adote neutralidade
Ucranianos e russos sinalizaram nesta quarta-feira (16) que avançaram nas negociações e que, caso a Ucrânia aceite ser neutra, será possível chegar a um acordo para interromper as agressões da Rússia.

Posts Relacionados

Eleições no Parlamento Europeu começam

Eleições no Parlamento Europeu começam

A eleição para o Parlamento Europeu é a segunda maior votação do mundo. Espera-se que a participação neste ano seja a maior da história

Biden tenta reforçar aliança com europeus

Biden tenta reforçar aliança com europeus

Presidente dos EUA chegou a Paris para participar das celebrações pelos 80 anos do Dia D. Ele se reunirá com o rei Charles III

Claudia Sheinbaum influencia eleições dos EUA

Claudia Sheinbaum influencia eleições dos EUA

Presidente eleita assumirá o cargo um mês antes do pleito americano. Biden e Trump duelam para controlar a narrativa sobre migrantes

África do Sul tem eleições mais acirradas

África do Sul tem eleições mais acirradas

Serão eleitos 400 deputados nomeados proporcionalmente, indicados por 50 partidos. O novo Parlamento nomeará o próximo presidente

Gema de ovo é boa para a memória? Sal é vilão? O que ajuda na saúde do cérebro

Gema de ovo é boa para a memória? Sal é vilão? O que ajuda na saúde do cérebro

Peixes gordos, oleaginosas, frutas e vegetais escuros contêm propriedades importantes para o nosso cérebro

Forças de Israel e do Egito trocam tiros em fronteira

Forças de Israel e do Egito trocam tiros em fronteira

Sites locais falam ainda de um soldado egípcio morto. Exército de Israel confirma que houve um "incidente" na fronteira

Acaba mandato de Zelensky, mas continua presidente

Acaba mandato de Zelensky, mas continua presidente

Terminou oficialmente na segunda-feira (20) o mandato do presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky. Apesar disso, ele seguirá como chefe do Executivo do país. Em guerra

Putin nega planos de invadir Kharkiv, na Ucrânia

Putin nega planos de invadir Kharkiv, na Ucrânia

O presidente russo, Vladimir Putin, disse nesta sexta-feira (17) que invadir e conquistar Kharkiv, a segunda maior cidade da Ucrânia e onde suas tropas têm

pt_BRPortuguese