Voltar ao Início

Você está em:

Invicto há 13 jogos, Botafogo tem maior sequência sem perder

Amanda Omura

Amanda Omura

Faz quatro meses e cinco dias que a torcida do Botafogo não sabe o que é perder. Desde o último dia 2 de outubro, quando foi derrotado para o Avaí por 2 a 1 no Nilton Santos pela 28ª rodada da Série B, o time de Enderson Moreira não perdeu um jogo sequer. Ao todo são 13 partidas de invencibilidade, sendo 10 pela Série B e três pelo Campeonato Carioca.
Os 128 dias sem perder englobam também o período de pré-temporada que o clube passou, mas isso não deixa de ser uma marca expressiva. A série de 13 jogos sem perder é a maior do Botafogo desde 2013.
Naquela época, o time ficou 19 partidas seguidas sem perder, com vitórias e empates no Campeonato Carioca (foi campeão), Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro. A equipe comandada por Oswaldo de Oliveira tinha nomes consagrados como Jefferson, Seedorf e Lodeiro.
A vitória de virada em cima do Madureira por 4 a 2 fez com que o Botafogo ultrapassasse a marca de 2016 e cujo contexto era semelhante ao atual. O time de Ricardo Gomes havia saído da Série B com o título, terminou a competição com uma vitória e um empate nas duas últimas rodadas. No Estadual, embalou 10 jogos seguidos sem perder e no total chegou a 12 partidas de invencibilidade.
Agora, com Enderson Moreira, o Botafogo vive a expectativa de bater o recorde da própria carreira do treinador. Em fevereiro de 2018, ele era o técnico do América-MG e tinha sido campeão da Série B pelo Coelho no ano anterior, sem perder desde outubro. A diferença para a situação do Bota é que ele chegou a ficar 15 jogos sem perder e precisa passar ileso por Nova Iguaçu (nesta segunda, às 20h, no Nilton Santos) e Fluminense (quinta-feira) para igualar a marca.
Historicamente, o Botafogo é dono do maior período de invencibilidade do futebol brasileiro. Empatado com o Flamengo em número de jogos seguidos sem perder, entre setembro de 1977 e julho de 1978 o Botafogo não perdeu nenhum dos 52 jogos que disputou, incluindo amistosos. Ao todo foram 31 vitórias e 21 empates.

Posts Relacionados

Mercedes está aberta a receber Sebastian Vettel de volta à F1

Mercedes está aberta a receber Sebastian Vettel de volta à F1

Chefe da equipe alemã, Toto Wolff afirmou que o tetracampeão é alguém "que nunca se pode descartar"; em entrevista recente

Vasco ainda sonha com Marlon Freitas e tem outras duas negociações

Vasco ainda sonha com Marlon Freitas e tem outras duas negociações

A resposta sobre a proposta de R$ 12 milhões pelo volante não foi oficialmente recusada pelo SAF alvinegra, e ainda há conversas

Palmeiras inicia busca para se isolar como maior brasileiro na Libertadores

Palmeiras inicia busca para se isolar como maior brasileiro na Libertadores

Verdão estreia na competição continental nesta quarta-feira, mas deve poupar titulares por estar entre as finais do Paulistão

Landim diz que possível saída do Flamengo afetará Gabigol

Landim diz que possível saída do Flamengo afetará Gabigol

Presidente responde a questionamentos em grupo de WhatsApp com aliados políticos sobre renovação do atacante: "Não seremos reféns"

Dorival aprova início pela Seleção:”O Brasil sai daqui com saldo positivo”

Dorival aprova início pela Seleção:”O Brasil sai daqui com saldo positivo”

Essa é a segunda punição do Peixe; a primeira, pelo não pagamento do técnico Fabián Bustos, foi resolvida após quitação dos R$ 4,7 milhões

Após demissão de Mattos, Rodrigo Pelaipe pede para sair do Vasco

Após demissão de Mattos, Rodrigo Pelaipe pede para sair do Vasco

O dirigente entendeu que não havia mais condição de continuar no clube, já que ele foi contratado pelo agora ex-diretor do clube

Com estreia do Flamengo na Libertadores no dia 2, final do Carioca será no sábado

Com estreia do Flamengo na Libertadores no dia 2, final do Carioca será no sábado

Como o primeiro jogo do Rubro-Negro está marcado para uma terça, a partida número 1 com o Nova Iguaçu será dia 30 de março

Atlético-MG descarta priorizar estreia na Libertadores em meio às finais do Mineiro

Atlético-MG descarta priorizar estreia na Libertadores em meio às finais do Mineiro

Victor Bagy destaca logística complicada para enfrentar o Caracas na Venezuela e cita importância das duas competições para o clube

pt_BRPortuguese