Voltar ao Início

Você está em:

Lula sanciona lei para assegurar igualdade salarial entre homens e mulheres

Texto estabelece que, em caso de discriminação salarial, empregador deverá pagar multa equivalente a 10 vezes o valor do salário
Amanda Omura

Amanda Omura

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) sancionou nesta segunda-feira (3) a lei que tem o objetivo de assegurar a igualdade salarial entre homens e mulheres que desempenharem a mesma função.

A sanção foi realizada na base aérea de Brasília após a chegada de Lula de viagem feita à Bahia para inaugurar as obras de novo trecho da Ferrovia de Integração Oeste-Leste (Fiol).

A nova lei prevê que é obrigatória a igualdade salarial e de critérios remuneratórios entre mulheres e homens, para a realização de trabalho de igual valor ou no exercício da mesma função (veja mais abaixo).

Na teoria, a diferença salarial entre homens e mulheres já é proibida pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). Na prática, no entanto, muitas vezes essa exigência legal não é cumprida.

Em discurso após sancionar o texto, Lula rebateu críticas a respeito da possibilidade de a lei “não pegar”. Especialistas, avaliaram que, embora meritória, a proposta poderia esbarrar em entraves para ser implementada.

Para Lula, não “existe essa de a lei pegar ou não pegar”. O presidente fez um paralelo com declarações do ex-governador de São Paulo Franco Montoro, morto em 1999.

“Quero apenas fazer um reparo na frase do ex-governador, do saudoso senador, Franco Montoro. Na verdade, tem governo que faz cumprir a lei e tem governo que não faz cumprir a lei. E nosso governo vai fazer cumprir a lei, porque nós temos fiscalização, temos Ministério do Trabalho, Ministério da Mulher e Ministério Público do Trabalho. E tudo isso tem que fazer funcionar em benefício do cumprimento da lei."

O petista ainda afirmou que empresários que não cumprirem as normas estabelecidas na lei terão que "enfrentar a legislação brasileira".

"Não é normal a desigualdade neste país. Uma igualdade que o Getúlio Vargas, em 1943, ao aprovar a CLT, ele já colocou o princípio da igualdade salarial. Vêm se usando de pretexto, de subterfúgio jurídico, de interpretação jurídica para não cumprir desde 1943. Então, é importante que vocês saibam que, para essa lei ser cumprida, a gente vai ter que jogar muito duro. Hoje há internet, vocês podem denunciar, os empresários vão ter de fazer relatório, eles vão ter de explicar publicamente, eles vão ter que se explicar porque o cliente vai pagar uma roupa e vai querer saber se aquela loja está tratando igual", disse.

Posts Relacionados

SP tem alta de 32% em casos de gastroenterite em 2023; como prevenir

SP tem alta de 32% em casos de gastroenterite em 2023; como prevenir

Transmitida pelo contato com bactérias ou vírus presentes em água e alimentos contaminados, virose é comum no período de verão

Rio proíbe uso de celulares nas escolas até no recreio; veja exceções

Rio proíbe uso de celulares nas escolas até no recreio; veja exceções

A medida veio depois de uma consulta pública, aberta em dezembro, em que 83% concordaram com a restrição

Um terço dos eleitores do RJ ainda não tem biometria cadastrada; prazo vai até maio

Um terço dos eleitores do RJ ainda não tem biometria cadastrada; prazo vai até maio

TRE-RJ quer cadastrar cerca de 4,4 milhões de eleitores até eleições municipais. Total representa 34,15% do eleitorado do estado

Entenda por que tem mais dengue com o El Niño e por que a situação pode piorar

Entenda por que tem mais dengue com o El Niño e por que a situação pode piorar

É esperado um pico da epidemia para o final de março e começo de abril, o que gera uma 'perspectiva grande de piorar o quadro'

Ambev começa credenciamento de ambulantes para trabalhar no carnaval

Ambev começa credenciamento de ambulantes para trabalhar no carnaval

Segundo a empresas, podem se inscrever somente pessoas maiores de 18 e que possuam residência no município de São Paulo

Celular Seguro ultrapassa 12 mil alertas de roubo ou perda um mês após lançamento

Celular Seguro ultrapassa 12 mil alertas de roubo ou perda um mês após lançamento

O principal motivo de bloqueio foi roubo (5.496 ocorrências), seguido de furto (3.965), perda (2.549) e outros (601)

Mais de um terço dos municípios têm moradores em áreas de risco de desastres

Mais de um terço dos municípios têm moradores em áreas de risco de desastres

Documento de ministérios do governo federal identificou 1.942 cidades com regiões suscetíveis a deslizamentos, enxurradas e inundações

Leilão da Receita tem carro por R$ 15 mil e celulares por R$ 500; veja como participar

Leilão da Receita tem carro por R$ 15 mil e celulares por R$ 500; veja como participar

As propostas de valor para o leilão podem ser feitas até as 21h do dia 29 de janeiro, e a sessão pública para lances ocorre

pt_BRPortuguese