Voltar ao Início

Você está em:

Novas pistas sobre surto misterioso de hepatite que levou crianças a transplante de fígado

Segundo OMS, investigações estão em andamento para determinar agente causador; maioria das notificações está na Europa
Amanda Omura

Amanda Omura

A Organização Mundial da Saúde (OMS) confirmou no domingo (24/4) pelo menos 169 casos de hepatite aguda de origem desconhecida.

A maioria das notificações está na Europa e envolve bebês, crianças e adolescentes entre um mês a 16 anos. Do total, 17 (aproximadamente 10%) necessitaram de transplante de fígado e até o momento uma morte foi registrada.
Segundo a OMS, foram notificados 114 casos no Reino Unido, 13 na Espanha, 12 em Israel, nove nos EUA, seis na Dinamarca, pelo menos cinco na Irlanda, quatro na Holanda, dois na Noruega, dois na França, um na Romênia e um na Bélgica.

Desde que os primeiros casos foram notificados no Reino Unido no início deste mês, houve "registros de hepatite aguda de origem desconhecida em crianças pequenas" em outros países, disse a OMS.

Mas, até agora, "não se sabe se houve um aumento nos casos de hepatite ou um crescimento da conscientização sobre os casos de hepatite que ocorrem na taxa esperada, mas não são detectados", ressalvou o braço da ONU para a saúde.

Investigações estão em andamento para determinar o agente causador, "embora o adenovírus seja uma hipótese possível", acrescentou a OMS.

Casos
De acordo com a OMS, os casos identificados apresentaram hepatite aguda (inflamação do fígado), "com enzimas hepáticas acentuadamente elevadas".

"Muitos casos manifestaram sintomas gastrointestinais, incluindo dor abdominal, diarreia e vômitos antes da apresentação com hepatite aguda grave e aumento dos níveis de enzimas hepáticas (aspartato transaminase (AST) ou alanina aminotransaminase (ALT) acima de 500 UI/L) e icterícia (coloração amarelada da pele/olhos)."

A maioria dos casos não apresentou febre.

Chama atenção, no entanto, que não foram detectados em nenhum dos casos os vírus comuns que causam hepatite viral aguda (vírus da hepatite A, B, C, D e E).
"Viagens internacionais ou links para outros países com base nas informações atualmente disponíveis não foram identificados como fatores", completou a OMS em comunicado distribuído à imprensa.

Investigação
Segundo a OMS, o adenovírus foi detectado em pelo menos 74 casos e, do número de casos com informações sobre testes moleculares, 18 foram identificados como F tipo 41.

Posts Relacionados

Menopausa: qual a relação dos hormônios com a saúde mental da mulher?

Menopausa: qual a relação dos hormônios com a saúde mental da mulher?

Oscilações dos hormônios começam antes mesmo da primeira menstruação e continuam durante toda a vida, até o climatério

Entenda a tocofobia, que leva a exagero em pílulas do dia seguinte

Entenda a tocofobia, que leva a exagero em pílulas do dia seguinte

Segundo ginecologistas e psicólogos, é comum que mulheres que não queiram engravidar sintam algum medo

Cerveja gelada pode não ser a melhor opção para enfrentar a onda de calor

Cerveja gelada pode não ser a melhor opção para enfrentar a onda de calor

Médicos explicam como o consumo de álcool, especialmente em dias quentes, pode agravar quadros de desidratação

Quando o calor se torna perigoso à saúde e como se proteger

Quando o calor se torna perigoso à saúde e como se proteger

Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) prolongou até sexta (17/11) alerta vermelho, nível mais alto, devido às altas temperaturas

Por que é tão difícil dormir quando as noites são tão quentes quanto os dias?

Por que é tão difícil dormir quando as noites são tão quentes quanto os dias?

Dá para dizer que a chave para esse quebra-cabeça do sono está na vasodilatação e nos extremos de temperatura

É gripe, resfriado ou alergia? Conheça os sintomas de cada um

É gripe, resfriado ou alergia? Conheça os sintomas de cada um

Embora vários sintomas se sobreponham, é possível, ao analisá-los, fazer a distinção entre resfriados, gripe e rinite alérgica

Canja de galinha realmente ajuda quem está doente? Entenda a ciência

Canja de galinha realmente ajuda quem está doente? Entenda a ciência

Principais nutrientes vêm do frango, dos vegetais e do arroz. O caldo auxilia na reidratação e o calor ajuda a soltar o muco

Novo remédio contra queda de cabelo é aprovado pela Anvisa: baricitinibe

Novo remédio contra queda de cabelo é aprovado pela Anvisa: baricitinibe

Agência aprovou indicação da droga para tratamento da alopecia areata, doença autoimune que provoca queda capilar

pt_BRPortuguese