Voltar ao Início

Você está em:

Penalidade Máxima: entenda investigação sobre esquema de apostas

Tudo o que se sabe até agora sobre as duas fases da operação que já tem, ao menos, 15 jogadores denunciados ao judiciário
Amanda Omura

Amanda Omura

A operação Penalidade Máxima é novo marco no combate à manipulação de resultados e ao esquema de apostas no futebol brasileiro. Já são meses de investigações, prisões preventivas, muitos jogadores investigados e denunciados e outros sob atento olhar do Ministério Público de Goiás, que iniciou o trabalho.

O que é?
A Operação Penalidade Máxima está na segunda fase da investigação. Quem comanda é o Ministério Público de Goiás, porque foi lá onde surgiram as primeiras denúncias, envolvendo o Vila Nova. Agora, após mais apurações por parte das autoridades, o número de envolvidos chegou a 26. Além deles, há diversos outros nomes que aparecem como citados na investigação do MP-GO, mas, pelo menos até agora, não constam como investigados.

Até o momento, nove apostadores e 15 jogadores estão entre os denunciados.
Allan Godói (zagueiro, Operário-PR),
André Luiz (volante, ex-Sampaio Corrêa)
Eduardo Bauermann (zagueiro, Santos),
Fernando Neto (volante, São Bernardo),
Gabriel Domingos (volante, Vila Nova),
Gabriel Tota (meia, Ypiranga-RS),
Igor Cariús (lateral-esquerdo, Sport),
Joseph (zagueiro, ex-Tombense),
Mateusinho (lateral-direito, ex-Sampaio Corrêa, hoje no Cuiabá),
Matheus Gomes (goleiro, sem clube),
Paulo Miranda (zagueiro, sem clube),
Paulo Sérgio (zagueiro, ex-Sampaio Corrêa, hoje no Operário),
Romário (meia, ex-Vila Nova),
Victor Ramos (zagueiro, Chapecoense)
Ygor Catatau (atacante, ex-Sampaio Corrêa, hoje no Sepahan, do Irã).

Já os apostadores são: Bruno Lopez de Moura, Ícaro Calixto, Luís Felipe Rodrigues, Pedro Gama dos Santos, Romário Hugo dos Santos, Thiago Chambó, Victor Yamasaki, Willian de Oliveira Souza e Zildo Peixoto.

Quais jogadores fizeram acordo com o MP?
Kevin Lomónaco (zagueiro do Bragantino), Moraes (lateral-esquerdo do Atlético-GO), Nikolas Farias (volante do Novo Hamburgo-RS) e Jarro Pedroso (atacante do Inter de Santa Maria). Os dois primeiros receberam dinheiro para receber cartão amarelo, enquanto os outros dois foram pagos para cometer um pênalti. Além deles, outras duas pessoas estão no “Rol de Testemunhas e Informantes”.

Posts Relacionados

Porquê o Botafogo não depende mais de si para ser campeão

Porquê o Botafogo não depende mais de si para ser campeão

Desde o dia 30 de maio, após a vitória por 3 a 2 sobre o Flamengo, o Botafogo dependia apenas de si para ser campeão

Olimpíadas 2024: COB investe cerca de R$ 290 mil em ar-condicionado

Olimpíadas 2024: COB investe cerca de R$ 290 mil em ar-condicionado

Preocupado com ondas de calor do verão de Paris, Comitê Olímpico do Brasil vai bancar aparelhos climatizadores

Emerson Royal comenta estilo de Diniz na Seleção: “Não é fácil jogar assim”

Emerson Royal comenta estilo de Diniz na Seleção: “Não é fácil jogar assim”

A derrota do Brasil, a primeira da história da Seleção nas Eliminatórias em casa, deixou a equipe na sexta posição

Landim diz ser contra sócio-torcedor ter direito a voto no Flamengo

Landim diz ser contra sócio-torcedor ter direito a voto no Flamengo

Presidente alega que ficaria mais fácil aparecer um candidato com discurso populista; torcida levou faixa pedindo participação

Nino é procurado por europeus e concorrência deixa futuro aberto

Nino é procurado por europeus e concorrência deixa futuro aberto

O zagueiro desperta interesse de times da Europa, que se mostraram à disposição de pagar a multa rescisória do capitão tricolor

Cruzeiro anuncia Paulo Autuori como técnico interino até o fim do campeonato

Cruzeiro anuncia Paulo Autuori como técnico interino até o fim do campeonato

O diretor ocupa a vaga de treinador deixada por Zé Ricardo no último domingo. A missão é salvar o time do rebaixamento

Copa do Mundo 2026: seleção africana desiste das eliminatórias e gera suspeita

Copa do Mundo 2026: seleção africana desiste das eliminatórias e gera suspeita

Governo da Eritreia não quer que jogadores que atuam no país peçam asilo político quando forem jogar em outros lugares

Cuca recusa proposta do Botafogo para ser novo técnico do clube; SAF nega

Cuca recusa proposta do Botafogo para ser novo técnico do clube; SAF nega

Com negativa, Lúcio Flávio deve treinar o time contra o RB Bragantino; treinador alega questões pessoais para decisão

pt_BRPortuguese