Voltar ao Início

Você está em:

Putin pode ser julgado por crime de guerra?

Investigadores e jornalistas descobriram o que parecem ser evidências do assassinato deliberado de civis em Bucha, uma cidade em Kiev
Amanda Omura

Amanda Omura

Imagens de corpos de civis nas ruas de Bucha levaram à reprovação internacional da Rússia — e a novas acusações de que suas forças militares estão cometendo crimes de guerra.
O Tribunal Penal Internacional já começou a investigar se estão ocorrendo crimes de guerra, e a Ucrânia também montou uma equipe para coletar evidências.

Quais são as acusações de crimes de guerra na Ucrânia?
Investigadores e jornalistas descobriram o que parecem ser evidências do assassinato deliberado de civis em Bucha, uma cidade nos arredores de Kiev, e em outras áreas próximas.
As forças ucranianas dizem ter encontrado valas comuns, e há evidências de que civis foram mortos a tiros depois que seus pés e mãos foram amarrados.

O primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, afirmou que os ataques são "mais uma evidência" de crimes de guerra.
Na semana passada, o secretário de Estado americano, Antony Blinken, disse que a Rússia "destruiu prédios de apartamentos, escolas, hospitais, infraestrutura essencial, veículos civis, shopping centers e ambulâncias" — ações que os EUA afirmam equivaler a crimes de guerra.

Em março, um ataque russo a um teatro em Mariupol parecia ser o primeiro local confirmado de um assassinato em massa. A palavra "crianças" estava escrita em letras gigantes do lado de fora do prédio.

A Ucrânia classificou anteriormente o ataque aéreo da Rússia a um hospital de Mariupol de crime de guerra.
Há também cada vez mais evidências de que bombas de fragmentação — munições que se separam em várias pequenas bombas — atingiram áreas civis de Kharkiv.

O Reino Unido diz que a Rússia usou explosivos termobáricos, que criam um vácuo enorme ao sugar oxigênio. Estes não são proibidos, mas seu uso deliberado perto de civis muito provavelmente violaria as regras da guerra.

Muitos especialistas argumentam que a invasão em si é um crime sob o conceito de "guerra de agressão".

Posts Relacionados

EUA matam líder de milícia apoiada pelo Irã

EUA matam líder de milícia apoiada pelo Irã

Ataque desta quarta-feira (7) faz parte de resposta do país norte-americano ao bombardeio que matou três soldados na Jordânia

Tribunal dos EUA nega imunidade a Donald Trump

Tribunal dos EUA nega imunidade a Donald Trump

Corte de Apelações rejeitou pedido de advogados do ex-presidente de que ele gozava de proteção legal porque era presidente à época

El Salvador se consolida como regime de partido único

El Salvador se consolida como regime de partido único

Apesar da alta popularidade, presidente concentra poderes e anuncia a pulverização da oposição, com controle de 58 das 60 cadeiras

EUA discute sobre a responsabilização das big techs

EUA discute sobre a responsabilização das big techs

Mark Zuckerberg pediu desculpas a familiares de crianças e adolescentes afetadas por conteúdos de exploração sexual infantil

Agricultores impõem ‘cerco’ a Paris em protesto

Agricultores impõem ‘cerco’ a Paris em protesto

Agricultores pressionam governo para recuperar danos causados pela inflação e a guerra, além de políticas prejudiciais ao setor

Começa paralisação na Argentina contra Milei

Começa paralisação na Argentina contra Milei

Ato foi convocado pela maior central sindical do país e tem adesão de funcionários de bancos, comércio, setor bancário e caminhoneiros

Nikki Haley parte para o tudo ou nada contra Trump

Nikki Haley parte para o tudo ou nada contra Trump

Única desafiante ao ex-presidente na disputa republicana, ex-embaixadora da ONU passa a criticá-lo, para tentar reduzir a vantagem dele

Irã e Paquistão abrem diálogo por crise no Oriente

Irã e Paquistão abrem diálogo por crise no Oriente

Nesta semana, Paquistão disse que bombardeou base de grupo separatista em território iraniano, um dia após dizer ter sido atacado Irã

pt_BRPortuguese