Voltar ao Início

Você está em:

Real Madrid aciona justiça espanhola contra racismo a Vinícius Junior

Vini acusou parte da torcida do Valencia de chamá-lo de "macaco" no segundo tempo. O jogo chegou a ficar paralisado
Amanda Omura

Amanda Omura

O Real Madrid se posicionou, na manhã desta segunda-feira, contra o racismo sofrido por Vinícius Junior na Espanha. O clube espanhol afirma que acionou a Procuradoria-Geral do Estado por crime de ódio e discriminação.

Leia a nota oficial do Real Madrid sobre racismo contra Vinicius Junior:
"O Real Madrid CF manifesta a sua mais forte repulsa e condena os acontecimentos ocorridos ontem contra o nosso jogador Vinícius Junior.

Esses fatos constituem um ataque direto ao modelo de convivência de nosso Estado social e democrático de direito.

O Real Madrid considera que tais ataques também constituem um crime de ódio, razão pela qual apresentou a denúncia correspondente à Procuradoria-Geral do Estado, especificamente à Procuradoria contra crimes de ódio e discriminação, para que os fatos sejam investigados e apuradas as responsabilidades.

O artigo 124 da Constituição espanhola estabelece as funções do Ministério Público para promover a ação da justiça em defesa da legalidade e dos direitos dos cidadãos e do interesse público.

Por este motivo, e dada a gravidade dos factos ocorridos, o Real Madrid recorreu à Procuradoria Geral do Estado, sem prejuízo do seu carácter privado no processo que está a ser instaurado", disse o Real Madrid em nota oficial.

Na sequência, o clube divulgou uma reunião do presidente Florentino Pérez com Vinícius Junior. O clube afirma que o mandatário mostrou seu apoio e carinho ao jogador, informando de todos os passos que estão realizando em sua defesa.

O racismo em Valencia x Real Madrid
No domingo, Vini acusou parte da torcida do Valencia de chamá-lo de "macaco" no segundo tempo. O jogo chegou a ficar paralisado por cerca de oito minutos. Nos minutos finais, o brasileiro foi expulso após confusão com o goleiro Mamardashvili.

Após a partida, o brasileiro usou as redes sociais para dois posicionamentos diferentes. Em um deles, o atacante disse que sua expulsão foi um "prêmio por sofrer racismo". O atacante ironizou a postura da liga ao compartilhar o slogan da entidade que rege o Campeonato Espanhol.

Posts Relacionados

Mercedes está aberta a receber Sebastian Vettel de volta à F1

Mercedes está aberta a receber Sebastian Vettel de volta à F1

Chefe da equipe alemã, Toto Wolff afirmou que o tetracampeão é alguém "que nunca se pode descartar"; em entrevista recente

Vasco ainda sonha com Marlon Freitas e tem outras duas negociações

Vasco ainda sonha com Marlon Freitas e tem outras duas negociações

A resposta sobre a proposta de R$ 12 milhões pelo volante não foi oficialmente recusada pelo SAF alvinegra, e ainda há conversas

Palmeiras inicia busca para se isolar como maior brasileiro na Libertadores

Palmeiras inicia busca para se isolar como maior brasileiro na Libertadores

Verdão estreia na competição continental nesta quarta-feira, mas deve poupar titulares por estar entre as finais do Paulistão

Landim diz que possível saída do Flamengo afetará Gabigol

Landim diz que possível saída do Flamengo afetará Gabigol

Presidente responde a questionamentos em grupo de WhatsApp com aliados políticos sobre renovação do atacante: "Não seremos reféns"

Dorival aprova início pela Seleção:”O Brasil sai daqui com saldo positivo”

Dorival aprova início pela Seleção:”O Brasil sai daqui com saldo positivo”

Essa é a segunda punição do Peixe; a primeira, pelo não pagamento do técnico Fabián Bustos, foi resolvida após quitação dos R$ 4,7 milhões

Após demissão de Mattos, Rodrigo Pelaipe pede para sair do Vasco

Após demissão de Mattos, Rodrigo Pelaipe pede para sair do Vasco

O dirigente entendeu que não havia mais condição de continuar no clube, já que ele foi contratado pelo agora ex-diretor do clube

Com estreia do Flamengo na Libertadores no dia 2, final do Carioca será no sábado

Com estreia do Flamengo na Libertadores no dia 2, final do Carioca será no sábado

Como o primeiro jogo do Rubro-Negro está marcado para uma terça, a partida número 1 com o Nova Iguaçu será dia 30 de março

Atlético-MG descarta priorizar estreia na Libertadores em meio às finais do Mineiro

Atlético-MG descarta priorizar estreia na Libertadores em meio às finais do Mineiro

Victor Bagy destaca logística complicada para enfrentar o Caracas na Venezuela e cita importância das duas competições para o clube

pt_BRPortuguese