Voltar ao Início

Você está em:

São Paulo entra na zona de rebaixamento do Paulistão e liga sinal de alerta

Amanda Omura

Amanda Omura

O clima pesado e a desconfiança pelos resultados ruins se transportaram de 2021 para 2022. Depois de um Brasileirão no qual brigou contra o rebaixamento praticamente até o fim, o São Paulo começa o Campeonato Paulista pressionado. Afinal, o time entra para o quarto compromisso no estadual dentro da zona da degola.

A vitória do Água Santa contra o Novorizontino jogou o São Paulo para a penúltima colocação do Paulistão; apenas a equipe de Novo Horizonte possui retrospecto pior, perdendo no saldo de gols (-7 a -2).
Segundo o regulamento do Paulistão, os dois piores da classificação geral acabam rebaixados para a A-2. O São Paulo, em três jogos, soma apenas um ponto e busca a primeira vitória nesta quarta-feira, às 19h (de Brasília), contra o Santo André, no Morumbi.
A falta de resultados gera uma pressão natural sobre o trabalho de Rogério Ceni e da comissão técnica. O próprio treinador destacou a necessidade de uma resposta imediata diante do rival do ABC, pensando no futuro dentro da competição.

– Temos o jogo contra o Red Bull Bragantino como exemplo e (teremos) alguns dias para trabalhar para o jogo contra o Santo André, que é um time competitivo, mas nós precisamos fazer a nossa primeira vitória – afirmou Rogério Ceni.
Na mesma entrevista, concedida depois da derrota para o Bragantino, o treinador expôs um possível erro de planejamento. A crítica coletiva veio em forma de reflexão.
– Talvez o grande erro, talvez nem seja o grande erro, porque não pode colocar o time da Copa São Paulo. Nosso maior erro foi não ter o time da Copinha, não ter pensado rápido, e colocado esse time para jogar os dois primeiros jogos. Estamos tendo que preparar o time, desgastando os atletas, jogar e ganhar. A vitória não está vindo – desabafa o técnico.
Com apenas um ponto em três partidas, o São Paulo tem o pior início de Paulistão desde 1960. O retrospecto só foi pior em 1936, quando o clube acumulou três derrotas nos três primeiros compromissos.

Posts Relacionados

Mercedes está aberta a receber Sebastian Vettel de volta à F1

Mercedes está aberta a receber Sebastian Vettel de volta à F1

Chefe da equipe alemã, Toto Wolff afirmou que o tetracampeão é alguém "que nunca se pode descartar"; em entrevista recente

Vasco ainda sonha com Marlon Freitas e tem outras duas negociações

Vasco ainda sonha com Marlon Freitas e tem outras duas negociações

A resposta sobre a proposta de R$ 12 milhões pelo volante não foi oficialmente recusada pelo SAF alvinegra, e ainda há conversas

Palmeiras inicia busca para se isolar como maior brasileiro na Libertadores

Palmeiras inicia busca para se isolar como maior brasileiro na Libertadores

Verdão estreia na competição continental nesta quarta-feira, mas deve poupar titulares por estar entre as finais do Paulistão

Landim diz que possível saída do Flamengo afetará Gabigol

Landim diz que possível saída do Flamengo afetará Gabigol

Presidente responde a questionamentos em grupo de WhatsApp com aliados políticos sobre renovação do atacante: "Não seremos reféns"

Dorival aprova início pela Seleção:”O Brasil sai daqui com saldo positivo”

Dorival aprova início pela Seleção:”O Brasil sai daqui com saldo positivo”

Essa é a segunda punição do Peixe; a primeira, pelo não pagamento do técnico Fabián Bustos, foi resolvida após quitação dos R$ 4,7 milhões

Após demissão de Mattos, Rodrigo Pelaipe pede para sair do Vasco

Após demissão de Mattos, Rodrigo Pelaipe pede para sair do Vasco

O dirigente entendeu que não havia mais condição de continuar no clube, já que ele foi contratado pelo agora ex-diretor do clube

Com estreia do Flamengo na Libertadores no dia 2, final do Carioca será no sábado

Com estreia do Flamengo na Libertadores no dia 2, final do Carioca será no sábado

Como o primeiro jogo do Rubro-Negro está marcado para uma terça, a partida número 1 com o Nova Iguaçu será dia 30 de março

Atlético-MG descarta priorizar estreia na Libertadores em meio às finais do Mineiro

Atlético-MG descarta priorizar estreia na Libertadores em meio às finais do Mineiro

Victor Bagy destaca logística complicada para enfrentar o Caracas na Venezuela e cita importância das duas competições para o clube

pt_BRPortuguese