Voltar ao Início

Você está em:

Paciente que se livrou do HIV após 31 anos com o vírus

Americano é uma das cinco pessoas no mundo a entrar em remissão total de HIV e leucemia mieloide aguda
Picture of Amanda Omura

Amanda Omura

Quando o caso de um americano que havia entrado em remissão do HIV foi anunciado, em julho de 2022, a notícia foi celebrada internacionalmente como mais um passo histórico na busca por uma cura para o vírus causador da Aids.

Esse paciente era uma das cinco pessoas no mundo a entrar em remissão total de HIV e leucemia mieloide aguda, graças a um transplante de células-tronco.
Tratamento raro, mas que oferece esperança
"Eu ainda acordo todas as manhãs e tenho de dizer a mim mesmo que é real. Eu vejo isso como milagroso, essa coisa incrível que aconteceu comigo", diz Edmonds. "Simplesmente não sei como fui tão afortunado. Sou muito grato."

Ele conta que ainda sofre com pequenos problemas decorrentes do transplante, como o surgimento esporádico de feridas na boca e a sensação de olho seco, para os quais continua recebendo tratamento no City of Hope.

"Poderia ser tão pior. Não posso reclamar disso, é tudo administrável", afirma.

Segundo a médica Jana Dickter, até o momento, entre 15 pacientes com HIV no mundo que receberam transplante de doador com a mutação genética rara, oito morreram e cinco, incluindo Edmonds, entraram em remissão de longo prazo. Outros dois ainda estão recebendo terapia antirretroviral.

Antes de sair do anonimato, Edmonds era conhecido como o "Paciente da Cidade da Esperança", em referência ao centro onde fez seu tratamento. Os outros quatro pacientes que entraram em remissão de longo prazo para o HIV e leucemia após o transplante ficaram conhecidos como os pacientes de Berlim (que recebeu o transplante em 2007), Londres, Nova York e Düsseldorf.

Esse tipo de transplante não está disponível para a maioria dos portadores de HIV. Devido aos riscos envolvidos e a dificuldade de encontrar doadores com a mutação genética rara, o tratamento deverá continuar restrito para alguns poucos pacientes que também enfrentam um câncer, como foi o caso de Edmonds.

Mas o sucesso de seu tratamento deve ajudar nas pesquisas sobre o vírus, e oferece esperança para outros pacientes. Edmonds continuará a ser monitorado para uma série de estudos.

A médica ressalta que, à medida que a população de pessoas com HIV envelhece, aumenta o risco de desenvolver alguns tipos de câncer, entre eles os sanguíneos.

Posts Relacionados

‘Esquecer’ é tão importante quanto ‘lembrar’ para a longevidade da memória

‘Esquecer’ é tão importante quanto ‘lembrar’ para a longevidade da memória

Professor da UNESP explica que o cérebro não possui um ‘disco rígido’ onde as nossas lembranças são armazenadas

Pipoca é janta? Entenda quando o alimento é considerado saudável e pode ajudar na dieta

Pipoca é janta? Entenda quando o alimento é considerado saudável e pode ajudar na dieta

Fonte de fibras, a pipoca pode ser combinada com outros itens e formar uma refeição. Também é uma boa opção de lanche

Fibromialgia atinge músculos e ligamentos e afeta até 7 vezes mais as mulheres

Fibromialgia atinge músculos e ligamentos e afeta até 7 vezes mais as mulheres

Pacientes com a doença costumam não ser levados a sério. Mulheres têm seis vezes mais chances de desenvolver a síndrome

Como poluição faz meninas menstruarem precocemente

Como poluição faz meninas menstruarem precocemente

Meninas estão entrando na puberdade mais cedo, possivelmente devido à exposição a poluentes atmosféricos

Mulheres vivem mais do que homens, mas com saúde pior, revela estudo

Mulheres vivem mais do que homens, mas com saúde pior, revela estudo

Pesquisa analisou dados sobre as 20 principais doenças causadoras de morte. Resultado mostra influência de fatores biológicos

Cortisol é mesmo o culpado por seus problemas de saúde?

Cortisol é mesmo o culpado por seus problemas de saúde?

"Hormônio do estresse" ganhou fama de vilão, com vídeos nas redes sociais culpando um suposto desequilíbrio hormonal

Sedentarismo e sobrepeso em crianças afetam o desempenho na escola

Sedentarismo e sobrepeso em crianças afetam o desempenho na escola

Os pesquisadores comprovaram a relação dos exercícios físicos com o desempenho cognitivo dos alunos

Zolpidem: ‘Pacientes tomam 300 comprimidos por dia’

Zolpidem: ‘Pacientes tomam 300 comprimidos por dia’

O remédio usado no tratamento contra a insônia, disponível no mercado há mais de 30 anos, ganhou protagonismo maior na última década, pela junção de

pt_BRPortuguese