Voltar ao Início

Você está em:

Shinzo Abe: o que se sabe sobre crime no Japão

Principal suspeito, de 41 anos, foi imediatamente imobilizado no local do crime e disse à polícia que estava 'frustrado' com ex-ministro
Picture of Amanda Omura

Amanda Omura

Dois tiros foram disparados antes de o ex-primeiro-ministro japonês Shinzo Abe cair no chão e ter sua morte confirmada, horas depois, no hospital.
O crime aconteceu na cidade de Nara, a quase 500 quilômetros de Tóquio, em um comício.

A Agência para Incêndios e Desastres do Japão confirmou que Abe tinha um ferimento de bala no lado direito de seu pescoço e que sofreu sangramento subcutâneo na parte esquerda do peito.
Em uma entrevista coletiva, um médico disse que a equipe passou quatro horas e meia tratando Abe. Ele confirmou que Abe chegou com dois ferimentos, um deles no pescoço e grande o suficiente para chegar ao coração. Nenhuma das balas foi encontrada durante a cirurgia.

O ex-primeiro-ministro não apresentava sinais vitais quando chegou ao hospital e teve uma parada cardiorrespiratória no local do crime, segundo relatos.
Imediatamente após os disparos, os seguranças neutralizaram o suspeito no chão, que agora está sob custódia policial.
Abe fazia um discurso em apoio ao candidato Kei Sato, atual membro da Câmara Alta e candidato à reeleição em Nara.

O Japão e o mundo estão chocados com o crime, que ocorreu em um país onde o acesso a armas é extremamente restrito e as mortes por armas de fogo são muito raras.
É por isso que muitos se perguntam quem é o principal suspeito, quais motivos ele poderia ter para atacar Abe e como ele conseguiu a arma do crime.

Possível ex-membro das forças de defesa
Por volta das 11h30 (horário local), imagens mostram um homem de camiseta cinza e calça marrom se aproximando de Abe por trás.
Ele dispara pelo menos duas vezes e é possível ver uma nuvem de fumaça e testemunhas aterrorizadas se jogando ao chão.
Segundo testemunhas, Abe caiu, visivelmente sangrando, e começou a receber uma massagem cardíaca.
O homem preso pela polícia e principal suspeito do crime tem 41 anos, segundo relatos da mídia local. Seu nome é Tetsuya Yamagami e acredita-se que ele seja nativo da cidade de Nara.

Posts Relacionados

Milei se encontra com Elon Musk e oferece apoio

Milei se encontra com Elon Musk e oferece apoio

Presidente da Argentina, Milei ofereceu apoio a Musk nos processos da Justiça brasileira em que o bilionário está sendo investigado

México pede suspensão do Equador na ONU

México pede suspensão do Equador na ONU

O objetivo da denúncia mexicana é "garantir a reparação do dano moral infligido ao Estado mexicano e a seus cidadãos", disse a ministra

Netanyahu diz que já tem data para atacar Rafah

Netanyahu diz que já tem data para atacar Rafah

Ele não deu mais detalhes. Pouco depois, o Departamento de Estado dos Estados Unidos disse que não foi informado sobre os planos

Terremoto de 4,8 de magnitude atinge Nova York

Terremoto de 4,8 de magnitude atinge Nova York

A profundidade do terremoto, de acordo com a USGS, foi de 5 quilômetros abaixo da superfície -- uma profundidade considerada baixa

Blinken diz que Ucrânia vai ser membro da Otan

Blinken diz que Ucrânia vai ser membro da Otan

Ele também afirmou que apoiar a Ucrânia é importante porque os russos estão recebendo ajuda para aumentar sua indústria de defesa

Pressionado, Netanyahu endurece o discurso

Pressionado, Netanyahu endurece o discurso

O primeiro-ministro de Israel é pressionado pela antecipação de eleições gerais e pela crise deflagrada em sua coligação extremista

Ataque destrói consulado iraniano na Síria

Ataque destrói consulado iraniano na Síria

A Guarda Revolucionária do Irã anunciou que sete de seus membros, entre eles três comandantes, morreram no bombardeio

Na Faixa de Gaza, 12 pessoas morrem afogadas

Na Faixa de Gaza, 12 pessoas morrem afogadas

Os Estados Unidos optaram por jogar caixas de aviões porque há dificuldades para entrar com caminhões na Faixa de Gaza

pt_BRPortuguese