Voltar ao Início

Você está em:

Crianças vegetarianas e carnívoras têm crescimento e nutrição semelhantes

Segundo pesquisadores, dieta vegetariana foi associada a maiores chances de baixo peso. Estudo analisou quase 9 mil crianças
Picture of Amanda Omura

Amanda Omura

Um estudo publicado na Revista Pediatrics concluiu que crianças que têm uma alimentação vegetariana tiveram crescimento e medidas nutricionais semelhantes às das que têm uma alimentação carnívora.

Os pesquisadores também descobriram que a dieta vegetariana foi associada a maiores chances de baixo peso. Os pesquisadores do St. Michael’s Hospital of Unity Health Toronto, no Canadá, analisaram dados de quase nove mil crianças, de seis meses a oito anos, entre os anos de 2008 e 2019. Os participantes foram categorizados por status vegetariano (excluindo carne) e não vegetariano.

Segundo o estudo, crianças vegetarianas tiveram um índice de massa corporal (IMC) médio, altura, ferro, vitamina D e níveis de colesterol semelhantes em comparação com aqueles que consumiam carne. Também não houve evidência de associação com sobrepeso ou obesidade.

“Este estudo demonstra que crianças canadenses vegetarianas têm o crescimento e os indicadores bioquímicos de nutrição semelhantes em comparação com as crianças não-vegetarianas”, disse Jonathon Maguire, principal autor do estudo e pediatra do St. Michael’s.
Os pesquisadores apontam a qualidade da dieta como limitação do estudo. Eles enfatizaram que é importante o acompanhamento com profissionais da saúde para monitorar o crescimento e nutrição dos pequenos.

“A dieta vegetariana foi associada a maiores chances de status de baixo peso, ressaltando a necessidade de um planejamento alimentar cuidadoso para crianças com baixo peso ao considerar dietas vegetarianas”, alertou Maguire.

Criança pode ser vegetariana?
Quanto maior a variedade dos grupos alimentares que crianças e adolescentes consomem, menor o risco de desenvolverem deficiências nutricionais que irão interferir em seu desenvolvimento. Desde que seja bem balanceada, uma dieta vegetariana pode promover o crescimento adequado.

Contudo, é preciso moderação e ponderação na hora de se adotar qualquer dieta restritiva na infância.
O alerta é da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), que segue as diretrizes da Associação Dietética Americana (ADA), Academia Americana de Pediatria (AAP) e Sociedade Canadense de Pediatria (SCP) sobre vegetarianismo infantil.

Posts Relacionados

Abraço, massagem e mais: contato físico pode ajudar a regular o hormônio do estresse

Abraço, massagem e mais: contato físico pode ajudar a regular o hormônio do estresse

Pesquisadores avaliaram os efeitos do contato físico. Toque é importante não só para bebês, mas também para adultos

‘Esquecer’ é tão importante quanto ‘lembrar’ para a longevidade da memória

‘Esquecer’ é tão importante quanto ‘lembrar’ para a longevidade da memória

Professor da UNESP explica que o cérebro não possui um ‘disco rígido’ onde as nossas lembranças são armazenadas

Pipoca é janta? Entenda quando o alimento é considerado saudável e pode ajudar na dieta

Pipoca é janta? Entenda quando o alimento é considerado saudável e pode ajudar na dieta

Fonte de fibras, a pipoca pode ser combinada com outros itens e formar uma refeição. Também é uma boa opção de lanche

Fibromialgia atinge músculos e ligamentos e afeta até 7 vezes mais as mulheres

Fibromialgia atinge músculos e ligamentos e afeta até 7 vezes mais as mulheres

Pacientes com a doença costumam não ser levados a sério. Mulheres têm seis vezes mais chances de desenvolver a síndrome

Como poluição faz meninas menstruarem precocemente

Como poluição faz meninas menstruarem precocemente

Meninas estão entrando na puberdade mais cedo, possivelmente devido à exposição a poluentes atmosféricos

Mulheres vivem mais do que homens, mas com saúde pior, revela estudo

Mulheres vivem mais do que homens, mas com saúde pior, revela estudo

Pesquisa analisou dados sobre as 20 principais doenças causadoras de morte. Resultado mostra influência de fatores biológicos

Cortisol é mesmo o culpado por seus problemas de saúde?

Cortisol é mesmo o culpado por seus problemas de saúde?

"Hormônio do estresse" ganhou fama de vilão, com vídeos nas redes sociais culpando um suposto desequilíbrio hormonal

Sedentarismo e sobrepeso em crianças afetam o desempenho na escola

Sedentarismo e sobrepeso em crianças afetam o desempenho na escola

Os pesquisadores comprovaram a relação dos exercícios físicos com o desempenho cognitivo dos alunos

en_USEnglish