Voltar ao Início

Você está em:

Mubadala propõe pagar R$ 4 bilhões à Libra mesmo sem adesão de todos os clubes

Caso pelo menos 18 clubes aceitem os termos do fundo árabe, com pelo menos sete dos dez maiores, negócio será levado adiante
Picture of Amanda Omura

Amanda Omura

Interessado em se tornar sócio da futura liga de clubes do futebol, porém travado pelo impasse entre Libra e Forte Futebol, o Mubadala apresentou nova oferta aos integrantes da Libra. É o movimento mais agressivo feito em meses pelo fundo dos Emirados Árabes.

Em reunião realizada na última sexta-feira, em São Paulo, dirigentes aprovaram os termos do acordo e passaram a fazer ajustes na minuta contratual. Pequenas mudanças vêm sendo feitas desde então.

O valor global se mantém inalterado, em R$ 4,75 bilhões, para a hipótese em que pelo menos 34 clubes assinam contrato – tratada como ideal pelos investidores. A novidade está na inserção de cenário parcial, no qual serão pagos R$ 4 bilhões, caso o número de clubes fique entre 18 e 33.

Existe condição para que o cenário parcial se confirme. Pelo menos sete dos dez clubes com maiores valores previstos precisam aceitar o acordo. Em termos práticos, significa dizer que o contrato com o Mubadala só será válido se for assinado por sete dos seguintes clubes:
Flamengo
Corinthians
Palmeiras
São Paulo
Cruzeiro
Grêmio
Santos
Vasco
Botafogo
Bahia

Na hipótese dos R$ 4 bilhões, o valor será pago pela investidora independentemente da quantidade de clubes a assinar a proposta. Ou seja, caso apenas 18 clubes participem do negócio, eles receberão a parte que caberia inicialmente, mais os valores que seriam pagos aos rivais.

Além disso, foi incluído na proposta o pagamento de R$ 3 milhões a cada clube, como "sinal de boa vontade". Caso os termos sejam aceitos, o valor será depositado nas contas dos clubes em até 30 dias após a assinatura da oferta vinculante (que gera obrigações entre as partes).

Esses detalhes constam do novo MOU (sigla em inglês para "memorando de entendimento"), a ser assinado pela Libra com o Mubadala. O documento indica acordo entre duas ou mais partes, com um propósito em comum entre elas, em estágio preliminar à assinatura definitiva.

Posts Relacionados

Messi, Suárez e Dí Maria: Copa América 2024 deve ser a última do trio

Messi, Suárez e Dí Maria: Copa América 2024 deve ser a última do trio

Atual campeã do mundo e da Copa América, a Argentina tem dois dos grandes nomes que podem estar vivendo a despedida da seleção

COI propõe criação dos Jogos Olímpicos de Esports

COI propõe criação dos Jogos Olímpicos de Esports

Proposta foi colocada na mesa durante sessão do Comitê Olímpico Internacional; existem discussões sobre um país anfitrião

Dorival crê que Vini Júnior pode repetir na Copa América desempenho no Real

Dorival crê que Vini Júnior pode repetir na Copa América desempenho no Real

Vini tem 24 gols em 41 jogos nessa temporada. Além disso, foi fundamental para títulos do Campeonato Espanhol e da Liga dos Campeões

Lúcio Barbosa e Kátia dos Santos entregam seus cargos na SAF do Vasco

Lúcio Barbosa e Kátia dos Santos entregam seus cargos na SAF do Vasco

A interferência do CRVG, que está no controle das ações, e o comprometimento à governança da SAF pesaram na decisão

Crise no Corinthians: diretores financeiro e de futebol entregam os cargos

Crise no Corinthians: diretores financeiro e de futebol entregam os cargos

Horas após a patrocinadora VaideBet comunicar a rescisão contratual, diretores de cargos importantes deixaram a cúpula do clube

Premiação da Bola de Ouro 2024 já tem data definida

Premiação da Bola de Ouro 2024 já tem data definida

Cerimônia será realizada no dia 28 de outubro, em Paris, e finalistas serão divulgados em setembro. Vini Jr é um dos favoritos

COB pede vaga olímpica para remadores que ajudaram na tragédia do Rio Grande do Sul

COB pede vaga olímpica para remadores que ajudaram na tragédia do Rio Grande do Sul

Evaldo Becker e Piedro Tuchtenhagen deixaram de disputar o Pré-Olímpico na Suíça para resgatar vítimas das enchentes

Vitórias de Alison, Ítalo e da seleção feminina de vôlei marcam semana do Brasil

Vitórias de Alison, Ítalo e da seleção feminina de vôlei marcam semana do Brasil

Ítalo Ferreira é campeão da etapa do Taiti do Circuito Mundial, Alison dos Santos nos 400m com barreiras, vôlei feminino segue invicta

pt_BRPortuguese