Voltar ao Início

Você está em:

Como é feita a aplicação do balão intragástrico e para quem é indicado?

Picture of Amanda Omura

Amanda Omura

A Academia Mineira de Medicina de Minas Gerais alerta para a importância do diagnóstico precoce em casos de complicações com o balão gástrico, procedimento recomendado para facilitar a perda de peso. Nessa semana, a engenheira Laura Fernandes Costa, de 31 anos, morreu dias depois de realizar a cirurgia.

A cirurgia foi realizada no último 26 de abril, em uma clínica que fica na Região do Barreiro, em Belo Horizonte. Onze dias depois, Laura foi internada com fortes dores e precisou passar por uma intervenção de emergência, mas não resistiu. Na certidão de óbito consta que ela teve uma infecção generalizada, causada por um furo no estômago.

A família alega que Laura não estava apta para receber o balão intragástrico por pesar 70 kg. No entanto, especialistas afirmam que este fator não necessariamente impede o paciente de realizar o procedimento, já que o indicador usado é o Índice de Massa Corporal (IMC), que é calculado dividindo o peso (em kg) pela altura ao quadrado (em m), de acordo com a seguinte fórmula: IMC = peso / (altura x altura).

O balão intragástrico chegou ao Brasil entre os anos de 1997 e 1998.

Inicialmente, a indicação era que o material fosse usado de forma pré-bariátrica, ou seja, para paciente obesos com riscos operatórios que não poderiam passar por cirurgia.

Sobrepeso
O endoscopista e especialista em balão intragástrico pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) Bruno Sander trabalha há 15 anos na área. Ele explica que em 2018 foi criado o Consenso Brasileiro de Balão Intragástrico, que prevê que o procedimento seja realizado em pacientes com IMC acima de 25, ou seja, naqueles que estão considerados em sobrepeso, segundo o Índice de Massa Corporal.

"Fizemos um Consenso Brasileiro de Balão Intragrástrico, em 2018. A Sociedade Brasileira de Endoscopia Digestiva (SOBED) ainda tem uma resolução de IMC a partir de 27, mas ela é anterior ao Consenso", disse Bruno.

Os médicos Bruno Sander e Marcelo Girundi, cirurgião bariátrico e titular da Academia Mineira de Medicina de Minas Gerais, respondem quem pode fazer o procedimento, quais sintomas devem ser observados, como é feita a cirurgia, entre outras perguntas:
Para quem o tratamento é indicado?
Segundo os especialistas, o balão intragástrico é recomendado para pacientes com sobrepeso ou obesidade, e auxilia na perda de peso, já que preenche parte do estômago e provoca a sensação de saciedade por mais tempo.

Qual a especialidade do profissional que aplica o balão?
O procedimento deve ser realizado exclusivamente por um médico endoscopista.

Quanto tempo dura?
O período de permanência é de seis meses a um ano. O método pode ser repetido após esse período.

Como é feita a cirurgia?
Existem dois balões no mercado, um deles é aplicado por endoscopia. Já o outro, conhecido como redutível, é aplicado por meio de uma cápsula que é ingerida e, em seguida, insuflada pelo médico já no estômago do paciente.

Quais são as contraindicações?
O tratamento não é indicado para pessoas que já passaram por cirurgia no estômago, ou que tenham problemas gástricos como úlceras e que tenham IMC menor que 25.

Posts Relacionados

‘Esquecer’ é tão importante quanto ‘lembrar’ para a longevidade da memória

‘Esquecer’ é tão importante quanto ‘lembrar’ para a longevidade da memória

Professor da UNESP explica que o cérebro não possui um ‘disco rígido’ onde as nossas lembranças são armazenadas

Pipoca é janta? Entenda quando o alimento é considerado saudável e pode ajudar na dieta

Pipoca é janta? Entenda quando o alimento é considerado saudável e pode ajudar na dieta

Fonte de fibras, a pipoca pode ser combinada com outros itens e formar uma refeição. Também é uma boa opção de lanche

Fibromialgia atinge músculos e ligamentos e afeta até 7 vezes mais as mulheres

Fibromialgia atinge músculos e ligamentos e afeta até 7 vezes mais as mulheres

Pacientes com a doença costumam não ser levados a sério. Mulheres têm seis vezes mais chances de desenvolver a síndrome

Como poluição faz meninas menstruarem precocemente

Como poluição faz meninas menstruarem precocemente

Meninas estão entrando na puberdade mais cedo, possivelmente devido à exposição a poluentes atmosféricos

Mulheres vivem mais do que homens, mas com saúde pior, revela estudo

Mulheres vivem mais do que homens, mas com saúde pior, revela estudo

Pesquisa analisou dados sobre as 20 principais doenças causadoras de morte. Resultado mostra influência de fatores biológicos

Cortisol é mesmo o culpado por seus problemas de saúde?

Cortisol é mesmo o culpado por seus problemas de saúde?

"Hormônio do estresse" ganhou fama de vilão, com vídeos nas redes sociais culpando um suposto desequilíbrio hormonal

Sedentarismo e sobrepeso em crianças afetam o desempenho na escola

Sedentarismo e sobrepeso em crianças afetam o desempenho na escola

Os pesquisadores comprovaram a relação dos exercícios físicos com o desempenho cognitivo dos alunos

Zolpidem: ‘Pacientes tomam 300 comprimidos por dia’

Zolpidem: ‘Pacientes tomam 300 comprimidos por dia’

O remédio usado no tratamento contra a insônia, disponível no mercado há mais de 30 anos, ganhou protagonismo maior na última década, pela junção de

pt_BRPortuguese